Inspiração

Projeto usa fotografia para lembrar que a tragédia de Mariana não acabou e apoiar as vítimas

14 • 04 • 2016 às 09:46
Atualizada em 14 • 04 • 2016 às 10:53
Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

A lentidão com que a justiça tem tratado a investigação e punição dos responsáveis pela tragédia em Mariana/MG deixa clara a necessidade de que a sociedade civil e entidades independentes mantenham acesa a luta pelo maior reparo possível ao ocorrido, a fim de também impedir que novas tragédias aconteçam.

Por isso, o instituto Últimos Refúgios deu início na última quinta-feira a uma campanha de financiamento coletivo para arrecadar fundos e seguir em frente com o projeto ‘Lágrimas do Rio Doce’, que visa instigar mecanismos de apoio e levantar um acervo digital com fotografias e vídeos, oferecendo um espaço de diálogo para as pessoas atingidas pelo desastre ambiental.

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=it2adlmtIUk” width=”628″]

GarÁa-branca-grande (Ardea alba) | Great Egret

A ideia é justamente iluminar de forma independente a realidade e as consequências do rompimento da barreira da empresa Samanco, que começou em Mariana mas impactou todo o Rio Doce.

O Instituto ⁄ltimos Ref˙gios È uma instituiÁ„o sem fins l

Qualquer pessoa em qualquer lugar do mundo pode contribuir com a campanha, que durará até o dia 09 de maio. Os registrados levantados pelo ‘Lagrimas do Rio Doce’ serão utilizados como meio de mobilizar a sociedade e pressionar o poder público a realizar ações efetivas para impedir que não só novas tragédias ocorram, mas também que o maior desastre ambiental da história do Brasil não caia em esquecimento.

O Instituto ⁄ltimos Ref˙gios È uma instituiÁ„o sem fins l

A extensão da tragédia em Mariana não é só medida em quilômetros, ou pela morte de um Rio – a tragédia continua a acontecer a cada dia que os responsáveis não são punidos, que essas medidas não são tomadas, que a imprensa deixa de mencionar o assunto, que esquecemos a tragédia de Mariana.

O Instituto ⁄ltimos Ref˙gios È uma instituiÁ„o sem fins l

O Instituto ⁄ltimos Ref˙gios È uma instituiÁ„o sem fins l

Desastre do Rio Doce!

Desastre do Rio Doce!

O Instituto ⁄ltimos Ref˙gios È uma instituiÁ„o sem fins l

PÈ-vermelho (Amazonetta brasiliensis) | Brazilian Teal

Desastre do Rio Doce!

Desastre do Rio Doce!

O Instituto ⁄ltimos Ref˙gios È uma instituiÁ„o sem fins l

O Instituto ⁄ltimos Ref˙gios È uma instituiÁ„o sem fins l

Todas as fotos © Últimos Refúgios

Na altura do desastre, o Hypeness conversou com Leonardo Merçon, fotógrafo do Instituto Últimos Refúgios, a propósito do que ele apelidou de “Chernobyl brasileira“. Relembre aqui.

Publicidade

Canais Especiais Hypeness