Arte

Fotógrafos usam a madrugada para registrar dançarinos e lugares abandonados em SP

06 • 05 • 2016 às 12:00
Atualizada em 19 • 05 • 2016 às 16:17
Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Sair pelas ruas durante a madrugada é sempre uma caixinha de surpresas. Pelo menos em lugares movimentados como São Paulo, onde até mesmo durante altas horas tem gente produzindo coisas incríveis e inusitadas. É nesse horário que alguns fotógrafos saem para clicar desde lugares abandonados até dançarinos que ocupam espaços públicos.

Você já ouviu falar no Baillistas? É a junção de balé com paulistas. Simples assim. O coletivo de quatro integrantes utiliza dois elementos distintos que se complementam: a dança, totalmente temporal, e a fotografia, totalmente atemporal. Através de uma linguagem poética, trazem novos sentidos para o cotidiano e a paisagem das grandes metrópoles como a Pauliceia Desvairada. Enquanto realizam performances, são capturadas belas imagens, como essas que você vê abaixo:

desperados 1

desperados 2

desperados 3

Quem também sai para fotografar durante a calada da noite é o Coletivo Rolê. Num misto de adrenalina, curiosidade e arte, o grupo de 22 pessoas promove saídas noturnas para captar fotos e vídeos em lugares abandonados do centro da capital paulista.

As ações, feitas há mais de 10 anos, têm apenas uma premissa: o penúltimo nunca deixa o último. Os fotógrafos percorrem um mesmo quarteirão, lançando olhares múltiplos sobre locais inusitados da cidade.

desperados 4

E se você quer saber mais sobre estes dois projetos fantásticos, vale a pena acompanhar a “Madrugada Desperada”, série de oito episódios exibida no canal Urban Feed. Dirigida por Tom Stringhini e produzida pela Conspiração Filmes, é comandada por Fernanda Young, que se joga na noite para conhecer e conversar com artistas transgressores que fazem questão de propagar suas artes na madrugada maluca da cidade.

Dá uma olhada no trailer:

Ficou afim de viver uma madrugada diferente? A cerveja Desperados preparou uma espécie de extensão da série. Anota aí: durante os meses de maio e junho, vai rolar a Galeria Desperada, série de 7 festas na laje da Galeria Ouro fino, espaço que ficou sem uso durante oito anos e que agora foi reabilitado. Com cenografia do Estúdio Xingu e música do projeto Jambox, você não vai querer ficar de fora dessas madrugadas.

Para saber mais, veja nossa Cobertura na primeira festa que aconteceu por lá.

DesperadosOuroFino1

selo artigo patrocinado

Publicidade

Canais Especiais Hypeness