Inspiração

Garota transgênero de 14 anos compartilha sua história de superação e inspira a internet

por: Redação Hypeness

A vida de uma criança transgênero pode ser complicada e causar nela uma sensação de inadequação. É o que relata a menina transgênero Corey Maison, de 14 anos, que conta sua história de superação em um vídeo emocionante e inspirador.

Corey sempre sofreu bullying na escola onde estudava e, embora as meninas não a aceitassem como uma delas, os meninos também faziam o possível para que ela se sentisse mal. Um dos colegas disse inclusive que ela deveria morrer, porque ninguém sentiria falta. Como resultado, Corey chegava todos os dias chorando da escola, até que sua mãe resolveu continuar sua educação em casa.

corey3
“Porque eu nasci menino”

A história é narrada em vídeo com a ajuda de cartazes em que a menina vai revelando mais sobre sua história, como o dia em que sua mãe lhe mostrou um documentário sobre Jazz Jennings, outra garota trans, assim como ela. Foi só então que Corey percebeu que não havia nada errado em seu corpo, ela era apenas mais uma menina que havia nascido no corpo de um menino.

O processo de transição contou a ajuda de um terapeuta que já trabalhava com outras crianças transgênero e ajudou ela a se sentir bem consigo mesma. Agora, aos 14 anos, Corey finalmente pode começar a tomar hormônios femininos, para que o seu corpo se desenvolva como o de uma mulher. Dá uma olhada na inspiradora história da garota, que hoje estuda em uma escola onde é 100% aceita pelos colegas e pela direção. ♥

A publicação foi divulgada pela página The BULLY Project, no Facebook, e contou com mais de 1,4 milhões de visualizações, além de mais de 20 mil compartilhamentos. Sem dúvida, ela merece tudo isso e muito mais!

Corey0

“Eu nunca tive muitos amigos. Eu não encaixava no grupo das meninas e os rapazes faziam piada sobre mim”

Corey1

“Um dos meninos disse que eu deveria me matar, já que ninguém gostava de mim mesmo”

Corey2

“Praticamente todos os dias eu chegava a casa chorando :(“

corey1

“Eu posso parecer feliz agora, mas nem sempre fui”

corey2

“Quando eu era pequena, amava brincar com bonecas e jogos de dress-up” [fantasiar-se de algo ou alguém]

Corey3

“Também amava pintar as unhas. Usar os saltos altos de minha mãe era o que eu mais curtia!”

corey4

“Eu só queria morrer”

corey5

“Finalmente fez sentido! Eu era uma menina que havia nascido num corpo de menino”

corey6

“Quando fiz 14 anos, comecei a tomar hormonas femininas para começar a puberdade como uma menina”

Todas as fotos: Reprodução Facebook

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Garotinho decide ajudar vítimas de furacão com dinheiro que juntou para ir à Disney