Inspiração

Pesquisa revela que 40% dos sem-teto dos EUA são adolescentes homossexuais

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

A dura luta contra o preconceito e a homofobia possui aspectos cruéis que somente quem vive sabe a dureza de enfrentá-la. Muitas vezes essa luta começa onde deveríamos nos sentir mais acolhidos e protegidos: em casa. Hoje, nos EUA, há uma nova classe de moradores de rua crescendo em triste velocidade, formada justamente por adolescentes homossexuais expulsos de casa.

LGBT_CASA1

Os números assombram. Segundo cálculo do Centro de Progresso Americano, mais de 300 mil jovens tiveram de recorrer a abrigos públicos após serem mandados embora de casa pelos próprios pais por sua orientação sexual – revelando assim um lado pouco debatido sobre a luta LGBT em todo mundo.

Sair do armário é gesto fundamental, tanto para o homossexual deixar de ter de esconder sua própria identidade, como enquanto gesto político, a fim de exibir a real proporção e afastar mitologias, generalizações e preconceitos sobre o tema. Ainda assim, as reações familiares muitas vezes são brutais e extremas.

LGBT_CASA4

Estudos feitos nos EUA indicam que a grande maioria desses jovens expulsos saem de casas conservadores e profundamente religiosas. Nesses contextos, compreender a homossexualidade como algo natural é intensamente mais difícil. Quase metade dos gays norte-americanos saem de casa pouco tempo depois de revelarem tal informação para a família – a maioria contra a própria vontade.

LGBT_CASA3

Assim, instituições especializadas na adoção de jovens em abrigos tem incentivado especificamente a escolha por jovens homossexuais rejeitados pelas famílias. Tais movimentos acontecem também por iniciativas pessoais, e são diversos os casos de cidadãos que vêm a público oferecer a própria casa para receber esses jovens.

LGBT_CASA2

Costumeiramente, em momentos de afirmação, as reações contrárias costumam ser equivalentes em intensidade. Diante de momentos de barbárie como o que aconteceu na boate Pulse, em Orlando, e de dados medievais como os revelados por essa pesquisa, é que se torna ainda mais importante que homossexuais assumam-se como são: seres humanos simplesmente, iguais a todos, com direitos, deveres, e dores. Algumas dessas dores, no entanto, precisam deixar de existir.

© fotos: divulgação

Recentemente o Hypeness mostrou a lição contra a homofobia dada por um aluno em seus colegas de classe. Relembre.

Publicidade Anuncie


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Este garotinho de 7 anos está prestes a se tornar a criança mais rápida do mundo