Arte

Uma enciclopédia louca, escrita em uma língua inexistente, sobre uma realidade paralela

por: Vitor Paiva

Muitos de nós cultivamos na infância amigos imaginários, que somente nós podemos ver e saber – mas que para nós eram perfeitamente reais. O artista gráfico italiano Luigi Serafini cultivou em sua imaginação um mundo inteiro inventado – e registrou seu mundo tal qual fazemos aqui, no mundo real: em uma enciclopédia, escrita, logicamente, em uma língua inventada.

 CODEXSERA5

A Codex Seraphinianus reinterpreta todas as principais ciências humanas, como a zoologia, a botânica, a arquitetura, a etnografia e a mineralogia, sob o prisma dessa indecifrável realidade paralela. Um livro, de quase 400 páginas, em que não podemos compreender através de nossas lógicas humanas.

CODEXSERA11

A Codex de Serafini é dividida em duas partes: a primeira, no que é possível compreender, é sobre a natureza, e a segunda, ao que tudo indica, é sobre as pessoas. O livro é repleto de plantas, frutas, animais, objetos e até condições e hábitos humanas que só existem ali – e na cabeça do autor.

CODEXSERA16

O livro foi lançado pela primeira vez em 1981, e possui entre seus cultores nomes como o escritor Italo Calvino, o cineasta Tim Burton e o músico John Cage. Para além do deleite visual, imaginativo e dos milhares de enigmas encriptados em cada página (é inevitável procurar alguma lógica que decifre o livro e explique um sentido maior para esse mundo paralelo), a beleza do Codex é o convite do autor de compreender um universo não pela leitura convencional de símbolos familiares – mas sim pela associação afetiva e artística de símbolos ainda abstratos, que podem ser o que bem quisermos, assim como o próprio mundo.

CODEXSERA19

CODEXSERA18

CODEXSERA17

CODEXSERA15

CODEXSERA14

CODEXSERA8

CODEXSERA9

CODEXSERA10

CODEXSERA12

CODEXSERA13

CODEXSERA7

CODEXSERA6

CODEXSERA4

CODEXSERA3

CODEXSERA2

CODEXSERA1

© fotos: divulgação

Publicidade


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
7 filmes que maltratam o coração e terminam com finais felizes