Inspiração

Homem posta imagem pedindo um mundo sem muçulmanos; e a internet responde da melhor forma

Redação Hypeness - 22/07/2016 às 07:07

Algum serumaninho resolveu fazer uma montagem brega para mostrar o que seria o mundo sem muçulmanos. E foi aí que a internet mostrou sua melhor versão e deu uma resposta digna de compartilhar esse tipo de xenofobia. Olha só:

tumblr_lrcpxv23Tl1qmbpwco1_500

A imagem acima foi posada sugerindo que, em um mundo sem muçulmanos, as Torres Gêmeas, em Nova York, ainda existiriam.

Um usuário do Tumblr, whatpath, respondeu a publicação preconceituosa numerando uma série de coisas que não existiram sem os muçulmanos. E olha só que ‘lindo’ ele seria:

“Sim, vamos imaginar um mundo sem muçulmanos, certo?

Sem muçulmanos não teríamos:

Café;

Câmeras;

Física experimental;

Xadrez;

Sabão;

Xampu;

Perfume;

Irrigação;

Manivela, o motor de combustão interna, válvulas, êmbolos;

Fechaduras de combinação;

Inovação arquitectónica (catedrais góticas);

Instrumentos cirúrgicos;

Anestesia;

Moinho de vento;

Tratamento de varíola;

Tinteiro;

Sistema numérico;

Álgebra, trigonometria;

Criptologia moderna;

Refeições (sopa, carne / peixe, fruta / porco);

Copo de cristal;

Carpetes;

Cheques;

Jardins utilizados para a beleza e meditação, em vez de para as ervas e cozinha;

Universidade;

Ótica;

Música;

Escova de dente;

Hospital;

Banho;

Estofado;

Compasso do navegador;

Refrigerantes;

Pêndulo;

Braille;

Cosméticos;

Cirurgia plástica;

Calligrafia;

Fabricação de papel e pano.

Foram os muçulmanos que entenderam que a luz entra em nossos olhos, diferentes dos gregos que pensavam que eles emitiam raios – e aí inventaram a câmera a partir dessa descoberta.

Foram os muçulmanos os primeiros a tentar o voo, em 852, ainda que os irmãos Wright levem o crédito.

Foi um muçulmano – Jabir ibn Hayyan – que fundou a química moderna. Ele transformou alquimia em química. Ele inventou a destilação, purificação, oxidação, evaporação e filtração. Ele também descobriu o ácido sulfúrico e o ácido nítrico.

É o muçulmano, com o nome de Al-Jazari, que ficou conhecido como o pai da robótica.

Foi um muçulmano o arquiteto para o castelo de Henry V.

Foi um muçulmano que inventou as agulhas ocas para sugar cataratas dos olhos, uma técnica ainda hoje utilizada.

Foi um muçulmano que realmente descobriu a inoculação, não Jenner e Pasteur – para tratar a varíola bovina. O Ocidente só o trouxe da Turquia.

Foram os muçulmanos que contribuíram muito para a matemática assim como álgebra e a trigonometria, que foram importadas para a Europa 300 anos depois .

Foram os muçulmanos que descobriram que a Terra era redonda 500 anos antes de Galileu.

 

E a lista continua…

Agora imagine um mundo sem muçulmanos. Agora eu acho que o que você quis dizer é imaginar um mundo sem terroristas. E aí eu sou capaz de concordar, o mundo realmente seria um lugar melhor sem eles. Mas apontar um grupo inteiro como responsável pelas ações de alguns é algo de uma ignorância e racismo sem fim. Ninguém nunca culpou os cristãos – ou os brancos – como um grupo responsável pelos atos de Timothy McVeigh (bombardeio de Oklahoma bombardeio) ou Anders Breivik (massacre na Noruega), ou o homem que disparou contra o congressista Giffords na cabeça, ferindo 12 e matando 6 pessoas – e com razão, porque eles não tinham nada a ver com os incidentes! Assim como o resto dos 1,5 bilhão de muçulmanos não têm nada a ver com este incidente!

Apenas.

image-1

Todas as fotos: Reprodução

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Canais Especiais Hypeness