Arte

Ilustrador de Mulher Maravilha se demite após receber críticas: “capa vulgar”

por: Redação Hypeness

O mundo dos quadrinhos frequentemente é criticado por retratar personagens femininas de forma hiper sexualizada. Apesar das polêmicas, os profissionais da área parecem ainda não ter compreendido que mulheres tem inúmeras outras qualidades mais importantes do que suas curvas. Frank Cho é um deles.Aos 44 anos, o artista norte-americano foi contratado pela DC Comics para desenhar 24 capas da revista Mulher Maravilha, mas realizou apenas seis. Segundo Cho, o roteirista Greg Rucka teria chamado uma de suas criações de “vulgar”, afirmado que o desenho “mostrava pele demais” da personagem.

STL010864-600x912-ba933

“Eu tentei levar tudo numa boa, não causar encrenca e dar meu melhor nas capas, mas a agenda política esquisita de Greg contra mim e minha arte tornou o trabalho impossível”, contou ao site Bleeding Cool.

Esta não foi a primeira vez que Cho foi criticado pela maneira com a qual retrata personagens femininas. Em 2015, uma capa que ele fez para Spider-Gwen (abaixo), da Marvel, causou controvérsia por mostrar a personagem de forma considerada erotizada.

spider-gwen-669x1024

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
A maior galeria a céu aberto do mundo foi pintada por pessoas com déficit de aprendizagem