Inspiração

Polícia de Nottinghamshire classifica misoginia e assédio como crimes de ódio

por: Redação Hypeness

Finalmente as autoridades do condado de Nottinghamshire, na Inglaterra, fizeram o que muita gente já deveria ter feito. A polícia local decidiu classificar como crimes de ódio a misoginia e o assédio contra mulheres.

Até o final desde mês, oficiais selecionados entre a equipe de polícia local completarão um treinamento para lidar com crimes de ódio misóginos. Os planos de mudança haviam começado em 2014, quando policiais se encontraram com ativistas do direito das mulheres que contaram casos de assédio, abuso e ataques sofridos na cidade ao longo dos últimos anos.

Precisamos chamar a misoginia do que ela realmente é – um crime de ódio. Mulheres e meninas enfrentam uma onda de abuso e assédio todos os dias. Nossa lei tem de enviar um sinal claro que isso não é aceitável. É um crime.“, comentou o Sam Smethers, CEO da instituição Fawcett Society, que luta pelos direitos das mulheres, em entrevista ao Independent.

O envio de mensagens indesejadas ou tirar fotografias sem o consentimento da mulher também estão incluídos na lei e deverão ser punidos como crimes de ódio. Entretanto, a violência doméstica ficará de fora, pois já existe um procedimento separado em vigor para tratar crimes do gênero, segundo informa a publicação.

Foto via

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Primeira diretora trans de escola de Santa Catarina se surpreende com apoio dos pais