Inovação

A ‘escola do futuro’ acaba de ser aberta na Finlândia – e é incrível

por: Redação Hypeness

A necessidade de transformar radicalmente os sistemas de ensino e a maneira com que se enxerga a educação, principalmente infantil, é global e urgente. Parafraseando o poeta russo Vladimir Maiakovski, se não existe conteúdo revolucionário sem forma revolucionária, a Finlândia abriu recentemente as portas da escola do futuro – um prédio pensado em todos os detalhes para abrigar melhor e de maneira mais expansiva um novo tipo de ensino.

 EscolaF9

Enquanto a dureza, o desconforto, a austeridade, o tédio e até mesmo feiura costumam ser regra na arquitetura e decoração escolar e em seus aparelhos de ensino, a escola Saunalahti, localizada na cidade finlandesa de Espoo, mais parece um belo museu ou qualquer outro prédio público que nos seduz a entrar e desfrutar de seus espaços.

Criado pela empresa Verstas, de arquitetura, o edifício foi pensando para ser o contrário do que normalmente é visto no design das escolas, inclusive das salas de aula.

EscolaF8

O prédio comporta, além das salas, um clube estudantil, um teatro, um restaurante, uma biblioteca, um ginásio de esportes e muitas outras atrações. Os alunos podem se sentar onde quiserem e são estimulados a se comunicarem e participarem das aulas – que são quase em sua totalidade realizadas em grupos de trabalho. As poltronas são reguláveis, confortáveis e adaptadas para o uso de laptops – que substituem as lousas e são conectados a uma rede própria.

 EscolaF6

Para os recreios, há um parquinho devidamente equipado e ao ar livre, também com espaços para práticas de esportes, e ao fim do horário escolar, a escola se converte em um grande centro para todos os moradores do bairro – trazendo, dessa forma, a comunidade para dentro da escola, necessidade evidente para um novo sistema de ensino.

EscolaF7

EscolaF4

Rodeada por amplas janelas, a escola integra a área externa e o meio ambiente ao interior da escola, ajudando a virtualmente anular o nível de estresse costumeiro do ambiente escolar. Os prédios são desenhados para que ninguém se perca, com zonas destinadas a cada faixa etária pintadas em cores diferentes, a devida e discreta segurança, mas sem barreiras ou maiores proibições de circulação. O objetivo, por fim, é simples porém cada vez mais raro: tornar novamente estimulante e prazeroso o nobre ato de aprender.

EscolaF10

EscolaF3

EscolaF2

EscolaF1

© fotos: divulgação

Recentemente o Hypeness mostrou a escola pública inaugurada na Rocinha, no Rio de Janeiro, que não tem salas, classes ou séries. Relembre.

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Kaiku: criação de pigmentos à base de frutas e vegetais quer mudar a arte para sempre