Arte

A sutileza dos gifs eróticos do libanês Ely Dagher

22 • 08 • 2016 às 11:00
Atualizada em 22 • 08 • 2016 às 14:47
Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Misturando surrealismo, erotismo, ocultismo e ficção científica, o ilustrador libanês Ely Dagher procura em seu trabalho as questões existenciais e sensoriais que permeiam sua vida. Para melhor ilustrar esses delicados e, ao mesmo tempo, furiosos atravessamentos, ele se vale não só de desenhos, mas de gifs realizando suaves movimentos.

Ely_Dagher

Vivendo hoje entre Bruxelas e Beirute, Dagher se vale de estéticas cinematográficas, da pintura e de lógicas de instalação para falar sobre sua educação no Líbano, as influências culturais, sexuais, ficções e provocações – mostrando os pequenos movimentos que existem entre as grandes questões que nos movem no mundo.

Ely_Dagher2

Ely_Dagher6

Ely_Dagher8

Ely_Dagher5

Ely_Dagher3

Ely_Dagher4

Dagher3 Dagher2

Dagher1

Dagher além de ilustrador é também roteirista e diretor – tendo dirigido o filme de curta-metragem Waves ’98, vencedor da Palma de Ouro do Festival de Cannes de 2015.

© imagens: Ely Dagher

Publicidade

Canais Especiais Hypeness