Inspiração

Detentas brasileiras usam suas habilidades criando loja virtual para vender artesanato

09 • 08 • 2016 às 07:01
Atualizada em 09 • 08 • 2016 às 07:53
Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


Bandido bom é bandido ressocializado” – já diriam os verdadeiros cidadãos de bem. E para seguir à risca a ideia de que uma pessoa que comete um crime pode sim voltar a sociedade e oferecer para ela o contrário daquilo a qual foi condenada, um grupo de presidiárias se reúnem pelo artesanato. E viva o bem-estar social!

20 internas do Centro de Recuperação Feminino (CRF) criaram uma loja online para vender a sua arte – de verdade mesmo, nada de montagem! Sob custódia do sistema penitenciário nasce a primeira cooperativa social de trabalho arte feminina empreendedora (Coostafe) do país, formada apenas por mulheres presidiárias. Ou seja, ao invés de ficar sem produzir e aprender nada, elas colocaram a mão na massa.

O projeto já atendeu mais de 100 mulheres em apenas dois anos de existência e agora está perto de lançar sua loja online no Instagram. Assim a Coostafe quer levar a sua produção em escala nacional e assim colaborar para que essas mulheres possam ter um renda após a prisão e dar sentido à ressocialização do detento na sociedade – fazendo ele – ou ela – se sentir parte da sociedade.

🙂

Gatinhos para peso de porta. Encomende o seu! Valor: R$ 20,00 cada + Frete #Coostafe #Decoração #Artefeminina

Uma foto publicada por Cooperativa de Arte Feminina (@coostafe) a

Todas as fotos © Coostafe

Publicidade

Canais Especiais Hypeness