Arte

O charme absurdo do surrealismo erótico dos anos 1920

por: Redação Hypeness

Nem sempre antigo é sinônimo de careta. Nos anos 1920 e 1930 grandes e maravilhosas loucuras foram produzidas por artistas, fotógrafos, escritores e pintores em geral – basta olhar para o surrealismo e o dadaísmo para confirmar tal afirmação. As fotografias do atelier Manassé, um estúdio bastante bem sucedido durante as décadas de 1920 e 1930 em Viena, na Áustria, também não nos deixam mentir.

Surreal10

Realizadas pelo casal Adorján von Wlássics e Olga Solarics (também donos do estúdio), a natureza erótica das fotos dialoga tanto com o humor quanto com temas mais obscuros, como a violência e a dominação sexual. O trabalho de Olga é visto como fundamental para o estabelecimento da estética pin-up, que mais tarde iria dominar publicações como a revista Playboy.

Surreal9

Não por acaso, as fotos do estúdio Manassé são avaliadas em pequenas fortunas por colecionadores: indo muito além, porém, do clima ingênuo e meramente sugestivo, tais fotos se apropriam do surrealismo, expressionismo e forças estéticas de vanguarda para, quase cem anos atrás, afirmar o corpo da mulher e seu erotismo como forças libertadoras.

Surreal8

Surreal7

Surreal6

Surreal5

Surreal4

Surreal3

Surreal2

Surreal1

© fotos: estúdio Manassé

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Agenda Hype em casa: 24 bons artistas e produtores de conteúdo antirracistas