Inovação

São Paulo passa a permitir que travestis e transexuais desçam do ônibus fora do ponto

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

O prefeito Fernando Haddad está prestes a concluir seu mandato e entregar à cadeira à João Dória, mas não sem antes fazer mais algumas coisas importantes pelo moradores da cidade de São Paulo. Em uma de suas últimas ações, Haddad acaba de incluir travestis e transexuais entre os beneficiários da lei que garante o desembarque fora do ponto para mulheres e idosos que utilizam o transporte público na capital.

A lei sancionada em julho teve seu decreto publicado no Diário Oficial da Cidade da última sexta-feira (21) e foi incluído um artigo especificando que “deverá ser considerada a identidade de gênero autodeclarada, independentemente do que constar em documento ou registro público, sendo permitido, portanto, o desembarque de travestis e de mulheres transexuais“.

bus_interna

A lei prevê desembarque fora do ponto apenas entre 22h e 5h, em dias úteis, feriados e fins de semana para mulheres, idosos, travestis, transexuais e também outras pessoas que estiverem em sua companhia. Para isso o motorista deve ser avisado com antecedência.

O desembarque fora do ponto não é permitido em corredores exclusivos de ônibus, além de pontes, túneis e viadutos.

Todas as imagens: Reprodução

Publicidade Anuncie


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Empresa do Reino Unido constrói estradas com plástico retirado do oceano