Inspiração

Dona faleceu há um ano e desde então sua gatinha só sai de perto de seu túmulo para comer

por: Tuka Pereira

Publicidade Anuncie

Animais são seres sensíveis e capazes de amar sem medida, exatamente como qualquer ser humano. Não acredita nisso? Então como justificar o que vem acontecendo em Java, na Indonésia? Na principal ilha do país asiático, uma gatinha simplesmente se recusa a deixar o túmulo de sua tutora, uma idosa chamada Kundari, que faleceu há um ano.

A felina só se ausenta rapidamente do local quando precisa se alimentar. A gata caminha para sua antiga casa todos os dias para receber comida dos netos da falecida e faz seu caminho de volta junto à sepultura, onde passa todas as noites e fica a maior parte do tempo.

39e988a400000578-0-image-a-84_1477923467357

Comovido com a gatinha de luto, Keli Keningau Prayitno, 28, tentou adotá-la e a levou para sua casa, mas após poucas horas no novo lar, a pequena voltou na primeira oportunidade que teve.

De cortar o coração, não?

39e988c000000578-0-image-a-78_1477923330000

39e988c600000578-0-image-a-79_1477923331962

Todas as fotos © Keli Kelingau Prayitno

Publicidade Anuncie


Tuka Pereira
Jornalista há mais de uma década e 'escrevinhadora' há muito mais tempo, Tuka Pereira aborda feminismo a gatinhos fofos com a mesma empolgação. Se existe algo que gosta mais do que escrever é carimbar o passaporte. Já esteve em boa parte do mundo e todo dinheiro que ganha gasta em viagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
6 conselhos ‘sincerões’ da Monja Coen para você fazer um detox da mente