Arte

O recurso maroto de Ridley Scott para conseguir as reações reais nesta cena icônica de Alien

por: Redação Hypeness

Esse texto contém spoilers mas, considerando se tratar de um clássico obrigatório do cinema, lançado em 1979, esse aviso já venceu a validade – se você ainda não assistiu Alien – O Oitavo Passageiro, corra para faze-lo já. Dito isso, quem assiste ao filme pela primeira vez terá garantida uma sucessão de sustos e cenas de suspense e horror. Nenhuma delas, porém, tornou-se tão icônica quanto o momento em que o bebê Alien irrompe do peito de um dos tripulantes, interpretado por John Hurt.

O que poucos sabem é que o mesmo susto que a plateia sente ao ver o ser surgindo após uma explosão de sangue o elenco também sentiu: o diretor Ridley Scott não revelou antes aos atores o que iria acontecer.

alien1

A ideia era preservar a reação mais natural e verdadeira, o espanto, horror e pânico como de fato são. No roteiro dos atores e atrizes, portanto, só havia uma sutil indicação do que viria: além da descrição do início da cena, em que a tripulação da nave toma café da manhã despreocupadamente, somente um sinal súbito: de repente, dizia o roteiro, “a coisa emerge” – e nada mais.

alien8

E assim, sem maiores detalhes o elenco permaneceu até o momento em que o diretor gritou “ação” e todos então “viveram” diante das câmeras o surgimento do monstro. “As reações eram as coisas mais difíceis”, explicou Ridley Scott. “Se um ator finge estar assustado, você não consegue capturar o medo genuíno e cru”.

alien7

alien6

John Hurt, o “hospedeiro” do bebê Alien, tinha mais informações, e foi discretamente preparado para a cena com efeitos especiais. A protagonista Sigourney Weaver revela em suas memórias que soube que algo terrível viria quando notou alguns membros da equipe usando capas de chuva para a filmagem – e o plano de Scott deu certo.

Veronica Cartwright, a atriz que acaba banhada de sangue, desmaiou ao fim da cena, enquanto o ator Yaphet Kotto teve de se retirar para o camarim para se acalmar. “Eu esqueci que se tratava de um filme”, afirma Weaver.

alien4

alien5

alien3

O método é eticamente questionável, oriundo de uma época em que a preocupação com alcançar a mais impactante cena possível era a coisa mais importante de um set de cinema. Seja como for, o fato é que assim nasceu não só o Alien, mas também uma das mais icônicas cenas da história do cinema.

alien2

© fotos: reprodução

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Agenda Hype em casa: Fabiana Cozza, Chico César e Tássia Reis nas lives da semana