Debate

Por que o vídeo da garota ‘viciada em comida’ viralizou

por: Redação Hypeness

A internet simplesmente pirou no vídeo publicado por Samara Castro, em que a blogueira diz que é viciada em comida. Publicado no Facebook no dia 1º de novembro, o vídeo já conta com mais de 18 milhões de visualizações – e os comentários são um melhor do que o outro. Mas, o que era para ser apenas uma piada, fala sobre um problema sério: o vício em comida realmente existe.

Tudo bem que grande parte do sucesso do vídeo de Samara se deve ao fato de que ela tira sarro consigo mesma. “Eu vou pro cross fit. Eu faço cross fit e tal, mas quê que adianta. Eu faço e tem uma barraca de coxinha na frente. Aí eu saio e como“, comenta ela em um momento da publicação. Muita gente se identificou com a brincadeira (afinal, quem nunca fez isso?), enquanto outras pessoas lembraram a seriedade do assunto e a criticaram por fazer humor com um problema real.

comida0

Mas a verdade é que, apesar de brincar com coisa séria, o vídeo pode ser visto como uma maneira de abordar o assunto, sobre o qual dificilmente se ouve falar hoje em dia. Sim, o vício em comida pode trazer muitos danos à saúde de quem sofre com o transtorno.

Atualmente, os cientistas estão pesquisando cada vez mais a compulsão alimentar. Diferentemente de outras drogas cujo vício pode ser controlado privando o usuário do consumo, quem é viciado em comida não pode simplesmente deixar de se alimentar e precisa aprender a fazer isso com moderação.

comida1

A compulsão alimentar é um distúrbio causado pelo consumo exagerado de alimentos e costuma estar associada à obesidade, embora as duas coisas não estejam necessariamente relacionadas. Uma pesquisa realizada pela neurocientista Nora Volkow identificou que o neurotransmissor conhecido como dopamina, relacionado a diversos tipos de vício, se comporta igualmente em cérebros de viciados em drogas e de obesos, o que respalda a hipótese de que a comida seja sim um vídeo real para algumas pessoas.

Para quem sofre realmente com esse problema, o Brasil já conta com uma organização sem fins lucrativos voltada a ajudar comedores compulsivos. É a Junta de Serviços Gerais de Comedores Compulsivos Anônimos do Brasil, que oferece auxílio gratuito a quem passa por este problema.

comida3

Fotos: Reprodução Facebook

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Brasileira ‘presa’ em Portugal por quarentena: ‘Tenho descoberto que é importante ter rotina’