Debate

Após 26 anos, Globo desiste de explorar nudez feminina e Globeleza surge vestida em nova vinheta

por: Redação Hypeness

Há 26 anos a rede Globo apresentava a “Globeleza”, a musa do Carnaval que samba completamente nua em rede nacional. Representada sempre por negras de corpos esculturais, a cada ano esta personagem foi dividindo opiniões e se tornando mais controverso. O motivo da polêmica não poderia ser outro: até quando o corpo da mulher – sobretudo a mulher negra – seria objetificado e ‘comercializado’ como se fosse um dos atrativos da festa?

Neste domingo (8) a emissora apresentou a vinheta do Carnaval 2017 e surpreendeu os telespectadores ao trazer a Globeleza usando diferentes roupas e ainda acompanhada de outros dançarinos. No lugar da pintura corporal que sempre foi utilizada, Érika Moura – Globeleza desde 2015 – apareceu vestindo roupas típicas que representam a festa em diferentes regiões do país como maracatu, axé, frevo e bumba-meu-boi.

01

Outra novidade é que Erika não apenas sambou, mas também dançou cada uma das danças que remetiam à suas vestimentas.

Assista:

02

03

Na página da Globo no Facebook, onde o vídeo da vinheta também foi publicado, internautas elogiaram a mudança e muitos classificaram a nova postura da emissora como um avanço bastante representativo para as mulheres.

comentarios01

comentarios02

Você também pode assistir ao making of da vinheta abaixo:

[youtube_sc url=”https://www.youtube.com/watch?v=wnrT62855qc”]

O que você achou da mudança?

Todas as imagens: Reprodução 

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Habib’s é acusado de confiscar gorjetas e exploração de funcionários em ação trabalhista