Inspiração

Mulher cria cartões com mensagens sobre doenças mentais para lembrar que as pessoas não estão sozinhas

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Talvez você já tenha ouvido falar que uma em cada cinco pessoas sofrem com alguma doença mental. Embora esse dado seja referente aos Estados Unidos, a coisa não é muito diferente por aqui. No Brasil, transtornos mentais atingem 23 milhões de pessoas – e já estava mais do que na hora de falarmos sobre o assunto.

Cansada do tabu em torno deste tipo de doença, Kat Selwyn Layton decidiu criar cartões inspirados em vários transtornos para mostrar que as pessoas não estão sozinhas. As imagens foram inicialmente compartilhadas em uma publicação em seu perfil pessoal no Facebook no dia 30 de dezembro. Mas, após ver sua mensagem compartilhada por quase 40 mil pessoas, Kat decidiu criar uma página inteira dedicada ao tema.

Eu criei estes com a intenção de, como a hashtag diz, acabar com o estigma das doenças mentais e outras condições neurodivergentes. Só porque uma doença é geralmente invisível, não significa que sua batalha não deva ser reconhecida. Se alguém está lutando com uma doença mental e/ou outra condição neurodivergente, essa pessoa deveria se sentir confortável para falar sobre isso, se sentir segura para discutir. Mais importante ainda, elas deveriam saber que não estão sozinhas“, escreveu ela na publicação original.

mental1

Eu estou me recuperando da bulimia. #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

Na página End The Stigma, Kat vem compartilhando novas imagens que abrangem outras condições psicológicas, bem como mensagens positivas para pessoas que possuem algum transtorno mental. As mensagens fazem com que pessoas que sofrem com estes transtornos finalmente sintam-se representadas e entendam que elas não estão enfrentando isso sozinhas. Tanto é que muita gente está aproveitando a existência da página para solicitar que ela crie novos cartões, falando sobre distúrbios que ainda não foram abordados, enquanto outros postam suas próprias mensagens nos comentários.

mental2

Eu tenho transtorno bipolar #acabecomoestigma #1em5 #vocênãoestásozinho

Com o tempo, mais do que falar apenas sobre doenças mentais, a página também passou a se dedicar a abordar outros tipos de doenças, bem como traumas sofridos, como uma forma de convidar as pessoas a falar sobre estes assuntos mais abertamente e, quem sabe, acabar com o estigma em torno delas.

mental3

Eu posso fazer qualquer coisa #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

mental18

Eu estou me recuperando de um transtorno alimentar #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

mental9

Eu tenho uma doença crônica não diagnosticada #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

mental8

Eu sou anêmico #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

mental7

Eu sou resistente à insulina #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

mental6

Eu estou me recuperando da anorexia #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

mental5

Eu tenho esclerose múltipla #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

mental4

Eu estou bem, mas eu vou ficar #acabecomoestigma #vocênãoestásozinho

Todas as imagens: Reprodução Facebook

Publicidade Anuncie


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Após se curar em hospital privado, empresário doa R$ 35 milhões para Hospital das Clínicas