Estilo

Marca de slow fashion utiliza lonas e redes descartadas no mar como matéria-prima

por: Redação Hypeness


Nada está mais na moda do que aliar estilo e sustentabilidade. É seguindo essa tendência que a marca Santa Costura de Todos os Panos criou um projeto inovador em parceria com a ONG Mar Limpo. O objetivo? Reutilizar materiais descartados nos oceanos para criar peças únicas ao mesmo tempo e que ajudam na limpeza das águas.

A ideia partiu de Luiz Carlos Mosso Cabral, fundador da ONG, que conheceu o trabalho da Santa Costura através de um colaborador do projeto. Como a marca de Campinas, no interior de São Paulo, sempre investiu no conceito de slow fashion, ele achou que era uma boa oportunidade de unir forças e decidiu entrar em contato com Gabriele Meirelles, criadora da Santa Costura.

Cabral, fundador da Ong Mar Limpo

Foto: Divulgação

Gabriele Meirelles - Creditos Nathalia Fassina

Foto © Nathalia Fassina

Ela abraçou o projeto, ampliando-o com ideias muito legais, que realmente agregaram valor aos resíduos. Com o retorno vindo desta coleção, a Mar Limpo vai poder ampliar sua linha de produtos e, consequentemente, aumentar sua capacidade de atuação”, comentou Cabral em comunicado enviado à imprensa.

Nos bastidores da nossa mini coleção especial! 🌊 #sctpverao17 #sustentabilidade #feitoamao #feitonobrasil #upcycled

A post shared by Santa Costura deTodos os Panos (@santa_costura) on


No dia 7 de fevereiro, a marca irá lançar sua mini coleção em parceria com a ONG, em um evento para convidados. Entre as peças, estão roupas feitas a partir de lonas de barco descartadas no mar, bem como bolsas que utilizam redes de pesca como matéria prima. As peças piloto serão doadas à ONG com o objetivo de manter o projeto.

Textura feita à mão nos bastidores. Mini coleção chegando com muito #upcycling 🌊🌊🌊 #sctpverao17 #marlimpo #feitonobrasil

A post shared by Santa Costura deTodos os Panos (@santa_costura) on


Além de reaproveitar itens que haviam sido descartados na natureza para criar peças exclusivas, todo o valor que for arrecadado com as vendas será revertido para a Mar Limpo. Dessa forma, a ONG poderá ampliar sua área de atuação e criar campanhas educativas junto à população local e aos turistas que visitam o litoral paulista. Assim, ao invés de apenas retirar os resíduos dos oceanos, a Mar Limpo também pretende aumentar a conscientização a respeito do descarte correto do lixo, evitando que novos materiais continuem poluindo as águas.

Creditos Nathalia Fassina_mar_limpo_03

Creditos Nathalia Fassina_mar_limpo_04

Creditos Nathalia Fassina_mar_limpo_05

Creditos Nathalia Fassina_mar_limpo_06

Creditos Nathalia Fassina_mar_limpo_09

Creditos Nathalia Fassina_mar_limpo_07

Creditos Nathalia Fassina_mar_limpo_08

Fotos © Nathalia Fassina

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Anna Wintour, editora-chefe da Vogue, aparece sem óculos escuros em vídeo sobre pandemia