Inspiração

Especialistas dão 10 dicas simples e certeiras para superar o medo de falar em público

por: Redação Hypeness

Na escola era difícil apresentar um trabalho para a turma e a dificuldade se resumia aí. O problema é quando o medo de falar em público segue até a vida adulta e acaba atrapalhando questões profissionais e pessoais. Como resolver isso? Essas 10 dicas dos especialistas do Forbes Coaches Council, publicadas pelo Penser, podem ser uma ótima maneira de começar a vencer o medo.

1. Pratique in loco

Não basta apenas praticar o que você irá falar, a dica é praticar também ONDE você irá falar. Com isso, quando chegar a hora de encarar o público, ao menos você estará mais familiarizado com o local.

2. O corpo é a mensagem

Tente concentrar-se na sua expressão corporal. Segundo os especialistas, ao se colocar em uma postura relaxada, automaticamente o seu corpo melhora nesse aspecto. Com a confiança é a mesma coisa.

3. Chegue cedo

Além de ganhar tempo para se acalmar antes de começar a interagir com o público, chegar alguns minutos antes de sua apresentação permitirá que você observe quem estará ouvindo você – e pode fornecer boas ideias para conquistar os seus ouvintes.

4. Converse sobre a apresentação

Manter segredo sobre o conteúdo da sua apresentação pode até aumentar a expectativa do público, mas certamente também irá aumentar a sua ansiedade. Experimente conversar sobre o assunto com outras pessoas antes de se apresentar. Dessa forma, você se sentirá mais confortável quando chegar o momento de falar em público.

speak

Foto via / Foto destaque: Johannes Jansson

5. Pense positivo

Preocupar-se demais com os aspectos negativos pode aumentar a ansiedade quanto à palestra. Imprevistos podem sim acontecer e pode ser até que nem todo mundo se interesse pelo que você vá falar. Mesmo assim, pensar positivo só tornará as coisas mais fáceis.

6. Experimente exercícios de improviso

A maioria dos grupos de teatro oferece aulas com exercícios de improviso. Na verdade, este tipo de exercício é muito bom mesmo para quem não pensa em atuar, pois ajuda as pessoas a se soltar e sentirem-se confortáveis inclusive em situações de stress.

7. Crie sua imagem pública ideal

Todo mundo consegue pensar no que é um “palestrante ideal”. Se você se esforçar um pouco, pode começar a imitar os trejeitos de como gostaria que fosse sua pessoa pública. Embora isso possa soar artificial a princípio, com o tempo você acabará adquirindo a mesma habilidade que imitava inicialmente.

8. Descubra a causa do seu medo

Quando você entender onde mora o problema e conseguir visualizá-lo, se tornará muito mais fácil transpor essa dificuldade.

9. Descubra os grupos de “Toastmasters”

A Toastmasters é uma organização interacional que visa ajudar as pessoas a melhorar suas habilidades de comunicação. No Brasil, há grupos em Belo Horizonte, Curitiba, Brasília, Salvador, Rio de Janeiro, Porto Alegre, São Paulo e São José dos Campos – confira mais informações sobre eles aqui.

10. Divida sua apresentação com outra pessoa

Dividir a responsabilidade ajudará você a se sentir mais seguro ao falar em público. Além disso, vocês podem trocar dicas sobre como melhorar a apresentação e ajudar-se mutuamente durante a fala.

Estudado por muitos, vencido por poucos, o medo pode ter várias formas e dimensões. Mais do que um estado de alerta, ele se torna frequentemente incapacitante e é por isso que a Samsung lançou uma campanha que é ao mesmo tempo inspiradora e desafiante: #BeFearless, não tenha medo.

Com este canal, o Hypeness se une à campanha que foca em duas fobias bem particulares e comuns a muita gente: alturas e falar em público.

Para ver todos os posts, siga este link.

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘Vocês roubaram este bebê’: família sofre preconceito diário por ter adotado bebê branco