Fotografia

Livro reúne fotos que foram censuradas e excluídas do Instagram

por: Redação Hypeness

As fotografias censuradas no Instagram já renderam o que falar. Na teoria, a rede social proíbe a publicação de conteúdos que sugiram “violência, nudez, nudez parcial, discriminação, atos ilegais, transgressões, ódio, pornografia ou sexo por meio do serviço” – mas na prática as coisas não são exatamente assim.

Para expor a estranha política da empresa ao mesmo tempo em que divulga trabalho de artistas que tiveram suas fotos censuradas na plataforma, as artistas Arvida Byström e Molly Soda começaram a coletar imagens que haviam sido excluídas. Tudo começou com uma convocação por meio da própria rede para que outros usuários enviassem fotografias suas que tivessem sido censuradas.

pic

Juntas, essas imagens se tornaram o livro “Pics or it didn’t happen: images banned from Instagram” (“Fotos ou não aconteceu: imagens banidas do Instagram“, em tradução livre). Não foi surpresa para nenhuma das duas o fato de que a maior parte das fotografias censuradas mostravam corpos de mulheres: algumas vezes com parte do corpo despido, outras mostrando a roupa suja de menstruação, outras completamente vestidas, caso de uma mulher negra que teve sua foto censurada sem nenhuma explicação aparente.

pics3

Mas não é apenas sobre a censura ao corpo feminino que trata o livro. Uma das imagens mostra que o proibido não é apenas a sexualidade da mulher, mas também tudo que fuja de padrões pré-concebidos, caso de uma imagem que diz apenas “Trans is beautiful” (“Trans é bonito“, em inglês).

Espia só outras fotografias que fazem parte do projeto.

pics12

pics11

pics9

pics8

pics7

pics6

pics5

pics2

pics1

pics0

Todas as fotos: Reprodução

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Fotógrafo captura retratos de estranhos que conheceu nas ruas 25 anos depois