Debate

Uma das páginas do estudante que desapareceu no Acre é traduzida e revelada

por: Redação Hypeness

O misterioso caso do estudante de psicologia acreano Bruno de Melo Silva Borges, de 24 anos, ganhou literalmente uma nova página. Como foi noticiado ontem pelo Hypeness, Bruno desapareceu deixando 14 livros criptografados e um quarto inteiramente montado em uma instalação como sua mensagem para humanidade. Ainda que os livros estejam de posse da polícia, uma das páginas vazou e foi parar na internet. Não demorou muito para que a tal página fosse decifrada, e algumas das ideias de Bruno pudessem enfim ser reveladas.

PaginaBruno4

Igor Rincon e Renor dos Reis, que começaram a desvendar o código criado por Bruno, criaram um site para seguir no trabalho de descriptografar os escritos do estudante. Eles partiram do número 700 e das letras “LO” que havia depois do numeral, concluindo se tratar de “AC” ou “DC”, como em uma data.

PaginaBruno1

A partir de termologias ou palavras mais comuns em textos antigos, eles encontraram um padrão. Para facilitar o trabalho, a dupla “montou” um teclado com os caracteres que desvendaram.

PaginaBruno8

O prosseguimento do trabalho é bastante difícil, por conta dos livros estarem justamente em posse da polícia, que investiga o desaparecimento do autor. De qualquer forma, o trabalho continua, com o pouco material disponível. Segue abaixo a íntegra da página decifrada, de autoria de Bruno de Melo Silva Borges, o misterioso estudante e autor acreano que desapareceu:

“Caminho difícil

Por milhares de anos o ser humano vem tentando encontrar respostas para perguntas como ‘qual o sentido da vida’? A filosofia que, ao que tudo indica, parece ter se iniciado com Tales de Mileto em meados de 700 a.C. visa encontrar vestígios de perguntas sem respostas. A pesquisa profunda pela verdade absoluta advém da filosofia, e quando falamos a respeito de caminhos fáceis ou difíceis estamos nos referindo a esse tipo de teorema.

É fácil aceitar o que desde criança te ensinaram que é errado. Difícil é, quando adulto, entender que te ensinaram errado o que desde criança você suspeitou que fosse correto. Em outras palavras, se você se enquadra em algum cujos estímulos do meio lhe determinaram certo comportamento, fazendo com que estivesse à mercê de crenças já providas e bem estabelecidas em dogmas e rituais, com uma massa concentrada de pessoas nela; ou permitindo-o ficar no conformismo, aceitando o conceito de felicidade e de sentido da vida embutido pela mídia e pela sociedade, então claramente você faz parte do caminho fácil para a busca da verdade absoluta.

Acaso se enquadre na segunda opção, ou seja, aquele que suspeitava de todo conjunto de crenças que lhe foi enraizado, então este tem tudo para ser um investigador da veracidade nas coisas ao seu redor, entrando em um caminho mais complicado, no qual uma minoria se arrisca ou enfrenta com bravura.”

PaginaBruno7

PaginaBruno6

PaginaBruno5

Acima, o quarto de Bruno e os livros que o estudante deixou, antes de desaparecer, devidamente criptografados

© fotos: reprodução

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Izabella Camargo critica saída da Globo: ‘Pior que assalto a mão armada’