Fotografia

Fotógrafa explora o lado mais sinistro do erotismo em série poderosa e NSFW

por: Redação Hypeness

A fronteira entre o lado prazeroso e o lado sombrio no universo erótico pode ser bastante tênue, e é nessa fronteira que reside o trabalho da fotógrafa Amy Hood. Borrando os limites entre o que é excitante e o que pode ser um tanto assustador – em suspensos tons de preto e branco que remetem a um clima noir – suas imagens exploram o potencial sinistro que há no amor, na luxuria e na paixão.

Visceral10

É para alcançar as emoções mais profundas do amor que Amy procura retratar sentidos extremos que o desejo e a obsessão podem trazer nas relações humanas. Suas fotos foram reunidas no livro Visceral, que, segundo ela, “examina a realidade muitas vezes incomum da intimidade psicológica das relações humanas, nosso fascínio por nos sentirmos em extremos sombrios e a evocação de nossos sentimentos mais profundos”.

Visceral1

Ora sutis e metafóricas, ora literais e extremas, suas fotos procuram no expectador o reconhecimento desses sentimentos – como espelhos de nossas próprias profundezas amorosas.

Visceral5

Visceral4

Visceral3

Visceral2

Visceral7

Visceral8

Visceral9

Visceral11

Todas as fotos © Amy Hood

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Migração de pássaros vira obra de arte pelas lentes de fotógrafo dinamarquês