Inovação

Dicas para você ter o seu próprio lago de carpas oriental

por: Redação Hypeness

Lendas antigas já colocavam a carpa como um peixe bastante especial dentro das mitologias e tradições orientais mais ancestrais – especialmente as carpas Koi. Segundo tais mitologias, esse peixe se tornou símbolo de prosperidade, fertilidade e longevidade por ter de alcançar a fonte do Rio Amarelo, que corta a China, na época de sua desova. Para alcançar tal feito, era preciso superar a correnteza e até cascatas – a carpa que enfim conseguisse se transformava em um dragão.

Por isso, uma carpa subindo um rio é sinônimo de força, determinação e coragem, enquanto uma descendo quer dizer tarefas cumpridas, objetivos alcançados – e dessa forma também nasceu a tradição de se tatuar tais peixes na pele.

Para além de tais mitos, o fato é que se tratam de peixes especialmente bonitos. Seja pelas boas energias, seja para admirar a beleza e a tranquilidade que peixes podem trazer, criar carpas em um lago pode ser uma grande ideia – mas, para tal, é preciso seguir algumas dicas específicas.

É preciso pensar bem no tamanho do lago em que os peixes serão colocados, pois as carpas crescem de acordo com o tamanho do ambiente em que vivem (o que também serve como uma interessante metáfora pra vida): se for um lago pequeno, elas serão pequenas – se o lago for grande, elas crescerão muito mais. Manter a água limpa, a fim de evitar doenças, é fundamental – seja através de limpezas periódicas, seja através de um filtro potente.

Não se deve jamais utilizar químicos para realizar a limpeza.

Da mesma forma, é essencial que jamais falte oxigênio na água. O gás pode ser liberado através de bombas, ou de cascatas e quedas d’água diretas no tanque ou no lago. Existem rações especiais para esse peixe, e a quantidade deve ser equilibrida, para que não aconteça um excesso de fezes na água que poderia infecciona-los. O cloro na água deve ser também calculado e controlado (através de desclorificantes, se for necessário), mantendo o pH sempre entre 7 e 7,4. A água deve ser mantida em torno de 18ºC.

Uma última dica é que as carpas podem reconhecer o dono e até permitir que ele as acaricie – o truque é alimenta-las sempre do mesmo lugar. Assim, através dos ruídos, esses peixes saberão se tratar de um amigo, e se tornarão amigos de volta – e, com tantas lendas de boas energias ao redor das carpas, fazer amizade com elas parece ser uma ótima ideia.

© divulgação (Lago criado e executado por Natural Lagos)

*Surpreendente e inovadora, a JAPAN HOUSE abriu em São Paulo como ponto de difusão de todos os elementos da genuína cultura japonesa. Um lugar de encontro, de intercâmbio cultural, de lazer e de grandes oportunidades para os visitantes mergulharem em uma das culturas mais ricas dos nossos tempos.

No Hypeness, nos batemos pela diversidade e pela troca e é por isso que decidimos nos unir a esta celebração da cultura japonesa, em um canal que mostrará o melhor do Japão contemporâneo e que certamente será um ótimo aperitivo para todos quantos decidirem conhecer este espaço no coração de São Paulo.

Você também pode seguir as novidades da Japan House pelo Facebook ou Instagram.

Publicidade

Lago criado e executado por Natural Lagos


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Noivas deslumbrantes que dispensaram os vestidos brancos – ou mesmo qualquer vestido – para seus casamentos