Diversidade

Ela sofreu body-shaming nas redes sociais e respondeu aos comentários de forma inspiradora

por: Redação Hypeness


“Você não pode estar feliz com seu corpo”. Tal frase, que parece ao mesmo tempo um questionamento e um decreto, costuma ser repetida como um terrível mantra contra outros corpos pelas mesmas pessoas que sofrem com ela – com a imposição de padrões inalcançáveis e paradigmas de beleza que servem para nada além de vender produtos. É contra tais ideias que a inglesa Megan Jayne Crabbe criou um perfil body positive nas redes sociais, para afirmar seu corpo como ele é, e suas transformações na aceitação de tal corpo.

Curiosa e sintomaticamente, dentre a maioria absoluta de comentários positivos e incentivadores, os eventuais comentários negativos nas redes de Megan ilustram perfeitamente a razão pela qual tais terríveis paradigmas estéticos resistem e oprimem a tantos. Depois de postar uma foto com um “antes e depois”, sobre, segundo ela, uma fase de sua vida em que sofria justo com sua aceitação corporal, diante dos comentários críticos e negativos, Megan decidiu responde-los em um novo post – e expor o absurdo de se submeter a padrões que não trazem nada além de sofrimento e ilusão.

"Wait so you just decided to RUIN your body?" Nah, I just stopped torturing myself every day for not fitting an image I was never supposed to be. · "But you look so much healthier to me before." That's funny, you looked so much more intelligent to me before you equated health with weight and forgot that mental health is health too. · "You could have stayed the same and loved your body, you didn't need to get fat." I could have stayed the same and spiralled back into the eating disorder that almost killed me when I was 15. I could have kept starving myself and obsessively working out for hours everyday but it never would have lead me to self love. No matter how much weight I lost there was always still something to hate. And sure, people don't NEED to gain weight to find their self love, this is just what my body needed to do to match up to my mental freedom. THIS IS MY HAPPY BODY. · "But surely you can't be happy looking like that now, I could never be happy in that body." I didn't think I could either, but as it turns out, happiness isn't a size. And I wasted far too many years believing that it was. Now I'm not going to stop letting people know that they deserve happiness exactly as they are. They deserve to live now, not 10 pounds from now. They deserve that mental freedom. So to every person reading this: I hope you get your freedom too, however it might look. I'll be cheering you on every step of the way. 💜💙💚🌈🌞 P.s. these are all comments I received on my last before/after picture, luckily for me, they just make me want to keep going even more 👊

A post shared by Megan Jayne Crabbe 🐼 (@bodyposipanda) on


“Pera aí, então você decidiu ARRUINAR seu corpo?”
Não, eu só parei de me torturar todos os dias por não me encaixar em uma imagem que eu nunca deveria buscar.

“Mas para mim você parecia muito mais saudável antes.”
Isso é engraçado, você parecia muito mais inteligente para mim antes de igualar saúde e peso, e esqueceu que saúde mental também é saúde.

“Você poderia ter se mantido a mesma e amado seu corpo, não era necessário engordar.”
Eu poderia ter continuado a mesma e voltar a sofrer com o transtorno alimentar que quase me matou quando eu tinha 15 anos. Eu poderia ter continuado a passar fome e malhando por horas todos os dias, mas isso nunca me levaria a alcançar o amor próprio. Não importava quantos quilos eu perdia, sempre existia alguma coisa para eu odiar. E, obviamente, as pessoas não PRECISAM ganhar peso para descobrir o amor próprio, isso é apenas o que o meu corpo precisava para corresponder com minha saúde mental. ESTE É MEU CORPO FELIZ.

“Mas com certeza você não pode estar feliz com essa aparência agora, eu nunca me sentiria feliz com esse corpo.”
Eu também achei que não, mas acontece que a felicidade não é um tamanho. E eu desperdicei muitos anos acreditando nisso. E agora eu não vou deixar de contar às pessoas que elas merecem a felicidade do jeito que são. Elas merecem viver a vida agora, não quando perderem 5 quilos. Elas merecem essa liberdade mental.

Então um recado para todos que estão lendo isso: Eu espero que você também alcance sua liberdade, da maneira que isso parecer. Eu estarei torcendo por você durante todas as etapas do caminho.

P.s. estes são os comentários que recebi em minha última foto de antes e depois, e, para minha sorte, eles só me fizeram querer seguir em frente ainda mais”


Publicidade

© fotos: Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
A emocionante homenagem desta família a um jovem trans que sonha com cirurgia