Fotografia

Mostra questiona objetificação da mulher com retratos que trazem um novo olhar sobre a nudez feminina

por: Redação Hypeness

Parte da programação do Festival FotoRio 2017, a exposição “Soror” questiona alguns códigos e representações sociais atrelados ao corpo das mulheres. O trabalho é da dupla de fotógrafas Silvana Andrade e Juliana Rocha.

As imagens são um convite a um novo olhar à figura feminina muito distante da forma hipersexualizada e objetificada com que o mundo publicitário, regido majoritariamente por homens (e para homens), retrata as mulheres. O objetivo? Empoderamento e sororidade.


Foto © Olivia Nachle

São 10 fotos em preto e branco de cerca de 40 mulheres de todas as cores, belezas e idades mostrando seus corpos completamente nus. Mesmo sem nenhuma peça, todas elas parecem estar usando verdadeiras armaduras, pois dão a impressão de terem se sentido muito confortáveis durante as fotos. Eis a vantagem da sororidade!

A seleção fica até o dia 26 de agosto no Ateliê Oriente e, além das fotos, a exposição ainda trará palestras e ações com artistas e pesquisadoras para dar visibilidade à arte feminista.

Foto © Olivia Nachle

Foto © Juliana Rocha

Publicidade


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Como os paparazzi estão se virando com os artistas em quarentena?