Ciência

Após 100 anos de buscas, santuário da deusa Ártemis é descoberto na Grécia

por: Redação Hypeness

Na perspectiva da história e da influência da cultura da Grécia antiga sobre o resto da humanidade, um século não quer dizer muito. Foi esse, porém, o tempo que arqueólogos levaram para encontrar o templo de Ártemis, a deusa da caça, na ilha grega de Eubeia.

Uma equipe formada por arqueólogos suíços e gregos enfim pôde encerrar os esforços que começaram no início do século 20.

Baseados em uma obra do filósofo Estrabão, que no século 1 a.C. afirmou que o templo estava localizado a uma distância de “sete estádios” da cidade de Erétria, calculando o valor de cada “estádio” como 185 metros, a procura por vestígios do templo começou. Na década de 1970, porém, compreendeu-se que a distância era na verdade de 60 “estádios”, ou cerca de 11 quilômetros.

 

 

Estátua da deusa Ártemis

As primeiras descobertas, que indicavam que o templo estaria por perto, aconteceram nos anos 1990. Em 2007 novas descobertas foram feitas, e dez anos depois, enfim, os pesquisadores encontraram provas definitivas de que ali era o santuário de Ártemis, através de inscrições.

Exemplo de inscrição encontrada no local

O local era, na Grécia antiga, o ponto final de uma procissão anual em homenagem à deusa, que partia da cidade de Erétria. Esse não é, porém, o único ponto de devoção à Ártemis conhecido: um templo em Éfeso, na Turquia, é considerado uma das sete maravilhas do mundo, e foi o maior templo do mundo antigo.

Publicidade

© fotos: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
1º spray nasal ‘de cogumelos alucinógenos’ com finalidade medicinal já existe