Inspiração

Em meio aos escombros, cão espera por dono morto em terremoto no México

por: Redação Hypeness

Dona Toñita, de 87 anos, perdeu seu marido, Trinidad, de 97 anos, no terremoto de 7.1 graus de magnitude que atingiu a região da Cidade do México na semana passada. Enquanto ela estava fora de casa alimentando animais no quintal, e por isso sobreviveu ao abalo, ele não conseguiu sair a tempo, e acabou falecendo soterrado pelos escombros da própria casa. Quando as equipes de resgate chegaram ao local, receberam o luto de Dona Toñita, mas logo perceberam uma curiosa cena.

Exatamente ao lado do local onde antes ficava a casa, Jacinto, o cão que por muitos anos acompanhou o senhor Trinidad, permanecia sempre deitado no mesmo ponto.

“Por mais que tentássemos tirá-lo do lugar para remover escombros, ele voltava e deitava justamente no local em que seu dono de 97 anos perdeu a vida”, escreveu em um post no Facebook um dos membros do grupo de trabalho. “Esta é uma mostra gigante de amor e fidelidade de um cão a seu dono falecido”.

Naturalmente o amor de Jacinto po Trinidad vem sendo comparada com a mítica história de Hachiko, o cão japonês da raça Akita que, por mais de 9 anos, voltou diariamente à estação de trem para encontrar seu dono, já falecido, no ponto onde costumavam encontrar-se. Segundo Dona Toñita, Jacinto e Trinidad iam todos os dias juntos trabalhar no campo. Ela afirma que, triste, o cão não deixou o local em que o marido faleceu desde o terremoto.

Jacinto já tornou-se um dos símbolos do difícil luto pelo qual o México passa no momento, com mais de 340 mortos por conta do tremor.

O fiel cão japonês ganhou uma estátua exatamente no ponto em que postava-se diariamente para esperar por seu dono.

Publicidade

© fotos: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Namorados presos juntos em Auschwitz se encontraram 72 anos depois