Ciência

Atenção, celíacos: cientistas descobriram com editar o gene do glúten no trigo

por: Redação Hypeness

Apesar do mal comprovado que faz para nossa saúde, há algo no glúten que faz das comidas irresistíveis – em especial o pão.

Enquanto os pães com glúten costumam ser firmes, leves e terrivelmente bonitos e saborosos, os pães sem glúten são em sua maioria muito menos atraentes e gostosos.

O problema é que além de ser altamente alérgeno, o glúten é o grande responsável pela doença celíaca, um transtorno autoimune do intestino, provocada por uma reação à proteína do glúten – e pior: muitos alimentos, em especial os mais deliciosos, possuem glúten.

Mas nem tudo está perdido para quem quer o sabor mas não quer as consequências do consumo de glúten: cientistas conseguiram modificar geneticamente variedades de trigo para remover quase que totalmente a gliadina, principal proteína do trigo e responsável pela doença celíaca.

E eles juram que nada disso afetou a qualidade de sabor e textura que o glúten traz. Assim, esse trigo geneticamente alterado reduz para 85% a imunorreatividade ao glúten.

 

Exemplo de pão tradicional sem glúten

O feito, realizado pelo Instituto de Agricultura Sustentável de Córdoba, na Espanha, já foi publicado em um periódico, mas precisa ser ainda mais aprimorado para que o trigo possa ser testado em mercado.

Os cientistas espanhóis, porém, garantem que o pão com baixo teor de glúten ficou uma delícia – sem a gliadina, mas com sabor e textura.

Publicidade

© fotos: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Esta película para telhados substitui o ar condicionado sem consumir energia