Ciência

Cientistas já preveem o que pássaros vão ‘falar’. E querem fazer o mesmo com você

por: Redação Hypeness

São diversos os futuros que os avanços tecnológicos sonham em conquistar, muitos tirados diretamente de filmes de ficção científica para a vida real.

Comunicar-se diretamente pelo pensamento é uma meta para os inventores do Silicon Valley e, ainda que essa realidade esteja distante, um primeiro e impressionante passo foi dado, através de um passarinho chamado diamante-mandarim: uma interface capaz de descobrir a próxima música que o passarinho vai cantar, instantes antes dele de fato o fazer.

A decodificação se deu diretamente a partir dos estímulos neurais do passarinho, e a pesquisa publicada recentemente pelos cientistas da Universidade da Califórnia entende esse como o primeiro passo para que, no futuro, seja possível, por exemplo, transformar pensamentos diretamente em textos – ou, mais possível (ou pelo menos em um futuro mais próximo), transformar o estímulo enviado para os músculos para efetuar a fala, mesmo que se permaneça em silêncio, em mensagens de texto.

A escolha do diamante-mandarim não foi por acaso: suas vocalizações são similares à fala humana, e bastante complexas.

Além disso, tratam-se de cantos aprendidos, como a linguagem humana – esse passarinho aprende a cantar ouvindo um outro passarinho mais velho. Esse futuro ainda pode estar distante, mas o alvo está lá, aproximando-se, até chegar o dia em que será possível enviar mensagens de texto com o pensamento – e graças a um passarinho.

 

 Ouça o canto do passarinho e a versão “antecipada” pelos pesquisadores aqui.

Publicidade

© fotos: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
O mapa de Marte detalhado que se tem até agora feito a partir de fotos tiradas da Terra