Debate

Dia do Nordestino: teste identifica os preconceitos do julgamento por aparência

Redação Hypeness - 05/10/2017

Dia 8 de outubro é o Dia do Nordestino, e uma agência de publicidade criou um jogo que expõe orgulhosamente a bela face desse povo forte e brilhante, e, ao mesmo tempo, a horrível face do preconceito.

O convite do #JogoDoPreconceito é um só: diante de duas fotografias de rosto, quem tem cara de nordestino? Jogar o jogo é uma porrada e tanto, pois, como diz o slogan, “quem vê cara, julga”.

A ideia da agência Bend é que o Dia do Nordestino seja, antes de tudo, o dia do respeito. “Ninguém se acha racista até um negro denunciar. Ninguém se acha machista até uma mulher manifestar. Ninguém se acha preconceituoso até um nordestino falar”, diz a campanha.

E numa ideia simples e eficiente, o jogo de fato mostra como julgamos e qualificamos diariamente pessoas simplesmente por suas aparências – seu semblante, seu rosto, sua cor de pele.

 

O preconceito contra o nordestino não está só nos grandes gestos, mas também nas piadas, nos apelidos, nas impressões e opiniões que se sustentam baseadas em nada além do que a manutenção de horríveis ideias velhas.

São essas ideias que o jogo mostra, a cada vez que escolhemos quem tem “cara de nordestino”.

 

“Precisamos realmente conversar sobre isso”, segue a campanha – para que o dia do nordestino seja o dia do respeito, e também o dia do país que realmente queremos, em que ninguém tenha de se sentir pior ou ser perseguido por ser quem se é.

Publicidade

© fotos: reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
Blog usa foto de Usain Bolt para notícia de roubo e reafirma racismo sistêmico do Brasil