Criatividade

Estas sobremesas de terror são terrivelmente apetitosas

06 • 10 • 2017 às 01:51
Atualizada em 06 • 10 • 2017 às 12:14
Vitor Paiva
Vitor Paiva   Redator Vitor Paiva é jornalista, escritor, pesquisador e músico. Nascido no Rio de Janeiro, é Doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Trabalhou em diversas publicações desde o início dos anos 2000, escrevendo especialmente sobre música, literatura, contracultura e história da arte.

Sobremesas e doces são tão deliciosos que o sabor normalmente começa no olhar – ver uma sobremesa costuma ser o suficiente para que comecemos a salivar.

O trabalho da confeiteira Christine McConnell vai, porém, no sentido contrário: seu desejo é que ao olharmos para suas sobremesas nos sintamos medo. Ela faz bolos e doces inspirados em filmes e imagens de terror.

Mais do que somente uma confeiteira, Christine é também fotógrafa e uma grande artista. Seus bolos, doces, biscoitos e suas tortas não só espantam pelo assustador, como por sua capacidade em faze-los.

O dilema, porém, é imenso: Como é possível que um bolo assustador possa, ao mesmo tempo, parecer tão saboroso?

E sendo saboroso, como os comentários em sua conta no Instagram garantem que são, será que queremos devorar e destruir verdadeiras obras de arte?

Publicidade

© fotos: Christine McConnel


Canais Especiais Hypeness