Diversidade

Ela criou um vídeo curto para contar como é ser negro em Tóquio

por: Redação Hypeness

Ser negro em países com uma cultura predominantemente branca não é fácil. Mas como é ser negro em um país  asiático?  Para expor essa experiência, a diretora de cinema Amarachi Nwosu acaba de lançar um documentário que explora a vida de estrangeiros negros em Tóquio.

Ao longo de 10 minutos, o documentário Black in Tokyo (“Negro em Tóquio”, em inglês) segue o cotidiano de cinco estrangeiros negros que vivem na capital japonesa e desvenda os desafios encontrados por eles. O filme marca também o lançamento da Melanin Unscripted, que, segundo a descrição do próprio site, “é uma plataforma focada em desmantelar estereótipos e borrar as linhas raciais ao expor identidades e culturas complexas ao redor do mundo“.

Lançado no dia 20 de novembro, o curta-metragem acompanha as histórias e experiências de cinco pessoas diferentes que se mudaram para o Japão, com o objetivo de “expor as pessoas ao redor do mundo à experiência de negros estrangeiros vivendo em um país homogêneo“. Até o momento, o vídeo já foi visto por mais de 40 mil pessoas.

A mensagem é inspiradora. Clica pra ver!

Publicidade

Fotos: Reprodução Youtube


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Madonna incomoda com topless e mostra que machismo não permite envelhecimento feminino