Arte

Esta ilustradora conseguiu traduzir os filmes de Wes Anderson para o papel como ninguém

Vitor Paiva - 28/11/2017 | Atualizada em - 01/12/2017

Estilosos, singulares, e essencialmente bonitos, os filmes de Wes Anderson são facilmente reconhecíveis em um frame, quase sempre sugerindo algo vintage e peculiar.

Para melhor capturar esse estilo em desenhos, a ilustradora baseada na Inglaterra Manjit Thapp começou por escolher um meio antigo, charmoso e também singular: um zine. Nele ela desenhou suas personagens preferidas dos filmes do diretor americano.

Feitos à mão e finalizados no Photoshop, os desenhos retratam artisticamente os personagens de clássicos modernos como “Os Excêntricos Tenenbaums”, “Moonrise Kingdom” e “A Viagem Para Darjeeing”.

Como uma homenagem ao estilo e ao talento gráficos de Anderson, o zine de Manjit revive com seu próprio olhar e traços alguns heróis e heroínas de um dos mais originais diretores do cinema recente.

Onde consigo um destes mesmo?

Publicidade

© arte: Manjit Thapp


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.