Criatividade

Fomos até Buenos Aires conferir as melhores campanhas publicitárias do El Ojo

por: Gabriela Alberti

A publicidade iberoamericana é mundialmente reconhecida pela sua criatividade. Não é a toa que países como o Brasil e a Argentina sempre têm desempenho destacado nos principais prêmios do mundo, como Cannes Lions, por exemplo.

Com tanto talento, potencial e mercados cada vez mais relevantes na economia global, nada mais justo do que ter um prêmio para chamar de nosso. E isso aconteceu, mais precisamente 20 anos atrás.

O El Ojo de Iberoamérica é o primeiro prêmio destinado ao mercado da comunicação latina e um importante catalisador de ideias, ditando tendências, formando novos profissionais e reconhecendo os trabalhos mais significativos do mercado. E nós fomos para Buenos Aires acompanhar de perto o evento.

Com três dias de duração, a vigésima edição do El Ojo aconteceu no Hotel Hilton, em Puerto Madero. Uma vizinhança com um charme todo especial para receber grandes nomes da publicidade mundial.

Isso porque além da premiação, o Festival também conta com palestras e workshops. Entre os destaques, algumas lendas, Chuck Porter, Chairman e Sócio da CP+B, e Per Pedersen, Global Creative Chairman da Grey.

Mas também algumas mentes mais jovens, que estão levando a tecnologia para dentro das agências. É o caso de Saneel Radia, Global Head de Business Transformation da R/GA, e Luis Gaitán, Head of Creative do Google.

O resultado de tantas mentes criativas, marcas ousadas e novas tecnologias não poderia ser outro. Campanhas memoráveis que além de vender, conscientizam, emocionam, divertem. E nós selecionamos algumas que nos marcaram nesses três dias de festival.

O filme mais emocionante com certeza foi “Love Story”. Criado pela Y&R México para a empresa de telefonia Movistar traz uma história envolvente e uma mensagem muito importante.

A campanha que mais vezes subiu no palco foi esta, criada pela agência brasileira DM9 DDB para o Walmart. A ideia é simples: colocar o preço de diferentes produtos nas camisetas de jogadores de futebol. E é essa simplicidade e irreverência que conquistou os jurados de diferentes categorias.

Um Audi é um carro potente, esportivo. Coisa de homem, certo? Errado. E foi isso que a agência Proximity, de Barcelona, decidiu mostrar com este lindo filme produzido para o Natal de 2016.

A série Narcos foi um grande sucesso na América Latina. Mas também conquistou os EUA. E de lá veio essa campanha, criada pela agência Alma DDB para o Netflix.

A grande vencedora da noite foi a agência brasileira Africa, que garantiu o prêmio de melhor desempenho criativo. Entre as muitas peças premiadas, esta campanha criada para a EspnW teve o maior destaque. Para demonstrar as diferenças de remuneração entre atletas masculinos e femininos a agência decidiu usar a próprias quadras esportivas.

Para conferir todos os vencedores, acesse o site do festival.

Publicidade

Imagens © Gabriela Alberti


Gabriela Alberti
Aquariana, curitibana, canhota e (só um pouco) teimosa. Curiosa desde o berço, tô sempre em busca de novidades, da senha do wi-fi, de novas séries para virar o fim de semana e de passagens promocionais para, quem sabe um dia, dar a volta ao mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Ele teve uma ideia genial para ajudar a namorada a enfrentar a depressão