Estilo

Supresa! Noiva veste pijama no dia do casamento para pregar pegadinha no noivo

por: João Vieira

Nada como casar com uma pessoa bem-humorada, não é, amores?

Erin Goldberg, 25 anos, sempre gostou de pegadinhas. Ou seja, o dia de seu casamento não poderia passar sem uma brincadeira inocente.

Ela, que é professora, se casou com Ean Goldberg no quintal de uma casa, algo tradicional nos Estados Unidos, em Scottsdale, Arizona, no dia 11 de novembro.

Só que os casamentos americanos também possuem uma tradição chamada “first look“, que é um encontro do noivo com a noiva pouco antes da cerimônia.

Nessa etapa, Ean ficou de costas esperando sua amada chegar.

Quando ouviu os passos se aproximando, logo imaginou que veria a futura esposa em um maravilhoso vestido de noiva.

Só que, ao se virar, a reação foi essa.

Isso porque Erin resolveu vestir uma camiseta de gato com uma calça de moletom, um pijama que a acompanha há 10 anos.

“Eu brinco com ele o tempo todo e pensei que essa era uma ótima oportunidade para pregar uma peça nele, pois eu não costumo de me vestir bem com muita frequência, brincou ela, em entrevista à People. “Nós temos falado há meses sobre essa vestido e como seria lindo me ver usando ele”.

“Eu pensei: beleza, dessa vez eu pego ele. Ean irá se virar e me ver com essa minha camiseta de gato estúpida”, contou.

E foi exatamente o que aconteceu.

As fotos, da fotógrafa Molly McElenney, mostram Ean em um belo terno grafite, com cabelos penteados e nó da gravata perfeitamente ajustado e, enquanto isso, Erin está vestida desse jeito maravilhosamente bobo.

“Ele ficou com uma cara de ‘nossa, ela me pegou de novo!’. A reação dele não tem preço. Vê-lo rindo sem parar e falando ‘claro que ela fez isso! Não sei como esperei algo diferente!'”, ela lembrou.

Erin e Ean, que estão juntos há quase cinco anos, se casaram em um ar leve e muito divertido, como provavelmente deve ser a união deles. Ah! Só pra registrar, na hora do vamos ver ela estava exuberante com seu vestido de noiva.

Publicidade

Molly McElenney


João Vieira
Com seis anos de jornalismo, João Vieira acredita na profissão como uma ótima oportunidade de contar histórias. Entrou nessa brincadeira para dar visibilidade ao povo negro e qualquer outro que represente a democracia nos espaços de poder. Mas é importante ressaltar que tem paixão semelhante pela fofoca e entretenimento do mais baixo clero popular.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Primeira menina negra da ‘Turma da Mônica’ inspira coleção criada pela Lab Fantasma