Futuro

Trens rápidos sem trilhos e sem condutores já são realidade na China

por: Vitor Paiva

Depois dos primeiros projetos de automóveis sem motoristas cada vez mais se tornarem mais viáveis, como um próximo passo inevitável para a indústria automobilística, o mesmo caminho começa a ser tomado dentro do sistema ferroviário de transportes – e o primeiro trem “smart”, sem trilhos e sem condutor, foi inaugurado na China.

 

Espécie de amalgama entre um ônibus, um trem e um bonde, o veículo se move ao máximo de 70 quilômetros por hora, e possui 32 metros de comprimento – com capacidade de transportar até 300 pessoas em três vagões. O veículo reconhece as dimensões da estrada através de sensores, por caminhos que estão sendo chamados de “pistas virtuais”. O modelo é elétrico, e precisa de uma recarga de 10 minutos para viajar por até 25 quilômetros.

Os sensores evitam colisões e atropelamentos pelas ruas, e a tecnologia não exige a enorme infraestrutura de um trem tradicional. Com custo muito menor do que a maioria dos transportes existentes – incluindo trens comuns – o veículo está sendo testado na cidade de Zhuzhou, na província de Hunan – servido a cerca de 4 milhões de habitantes.

*“O sentido da vida é encontrar o seu domO objetivo é presenteá-lo aos outros”. A frase é atribuída ao mestre Picasso, mas poderia ser a epígrafe do canal especial que o Hypeness criou em parceria com a Ford. Aqui acreditamos que todo ser humano é uma mente criativa em potência, com coisas novas para trazer para o mundo, e por isso contaremos essas histórias, de pessoas que souberam transformar a imaginação em ação. Aqui não falaremos de sonhos, mas de objetivos que, cedo ou tarde, teriam que ser concretizados. Não fuja dos seus.

Para saber mais, clique aqui e para conhecer o novo Ford EcoSportsiga este link.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Com 83 anos, ‘vovó do Tinder’ já saiu com mais de 50 e prova que não existem limites pra paquera