Ciência

Estudo finalmente descobre uma maneira de comer muito sem engordar

por: João Vieira

Finalmente a pesquisa que todo mundo esperava chegou.

Um estudo feito pela Universidade Escola de Medicina de Washington, nos Estados Unidos, descobriu que é possível comer uma grande quantidade de coisas deliciosas sem engordar.

O experimento feito em ratos descobriu uma família de proteínas chamada “via de sinalização Hedgehog”, que fornece aos embriões informações que o permitem se desenvolver de maneira correta, diferenciando as células presentes na cabeça com aqueles que ficam nos pés, por exemplo.

Não entendeu? Então a gente explica melhor.

Os pesquisadores introduziram alguns genes que ativam o Hedgehog nas células adiposas, responsáveis por armazenar gordura das comidas, de cobaias já adultas. Depois, os animais foram colocados para comer tudo o que quisessem entre comidas gordurosas por oito semanas, assim como um outro grupo de ratos que não passou pelo tratamento e serviu como método de comparação.

Rato que passou pelo tratamento e o que não passou

No final do período, o grupo com as proteínas ativadas não teve quase nenhuma alteração de peso. Já o grupo que não passou pelo tratamento proteico engordou consideravelmente.

“Cada célula adiposa cresce para poder suportar mais gotículas de gordura. Nós ganhamos peso principalmente porque as células adiposas ficam maiores, não por termos mais células adiposas”, explicou o pesquisador Fanxin Long, que liderou o estudo.

Já pensou comer uma pizza sem culpa?

Isso não quer dizer, porém, que você já pode contar com remédios contra obesidade. As drogas que ativam o Hedgehog precisam ser exaustivamente testadas em laboratório antes de serem disponibilizadas ao público devido aos possíveis efeitos colaterais. Há, inclusive, a possibilidade de alguns tipos de câncer estarem ligados ao excesso de atividade do Hedgehog.

Publicidade

Fotos: foto 1: Reprodução; foto 2: Pixabay


João Vieira
Com seis anos de jornalismo, João Vieira acredita na profissão como uma ótima oportunidade de contar histórias. Entrou nessa brincadeira para dar visibilidade ao povo negro e qualquer outro que represente a democracia nos espaços de poder. Mas é importante ressaltar que tem paixão semelhante pela fofoca e entretenimento do mais baixo clero popular.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Usar demais o cérebro pode diminuir o tempo de vida, diz estudo