Ciência

Penas, cauda e muitas cores: Há 161 milhões de anos, Terra teve dinossauro ‘arco-íris’

por: Redação Hypeness

Muitos dos dinossauros que historicamente imaginávamos com uma pele grossa e escamosa eram, na verdade, coberto por penas. Nenhum, no entanto, com o estilo e a desenvoltura do Caihong juji. Descoberto recentemente fossilizado na China, uma análise realizada através de um microscópio eletrônico permitiu confirmar e reproduzir as incríveis e vibrantes cores das penas que, há 161 milhões de anos, cobriam o animal.

O apelido de “arco-íris” dado ao Caihong juji Não é, portanto, por acaso. Brilhantes e multicoloridas, sua penugem era em tonalidades de azul, verde e laranja, localizadas na região da cabeça, peito e da cauda. A descoberta foi realizada por pesquisadores da Universidade Normal de Shenyang.

Segundo tais pesquisadores, a confirmação das cores das penas só foi possível pois o fóssil ainda preservava células referentes justamente à pigmentação, chamadas melanosomas. O animal, do tamanho de um pato, provavelmente utilizava suas vibrantes cores para efeitos sociais e sexuais, em um efeito similar às penas de um beija-flor – seu nome, em Chinês, significa “arco-íris com grande penacho”.

Publicidade

© fotos/arte: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
O que são os Acordos de Artemis e sua importância para um futuro pacífico na exploração espacial