Debate

Golpes, furtos e ‘Zona de Atenção’: Carnaval de SP cresce e exige mais cuidado de foliões

por: João Vieira

O Carnaval de São Paulo cresceu e apareceu. Em 2018, a folia iniciou sua maratona no último sábado (3) e só irá cessar no próximo dia 18. Neste período, a Prefeitura espera um público de quatro milhões de pessoas e, pela primeira vez, a cidade passará o Rio de Janeiro em número de blocos: 491. Na capital carioca, o prefeito Marcelo Crivella fechou 473 desfiles de rua.

O número grande de pessoas exige uma estrutura mais arrojada. Por isso, a avenida 23 de Maio, via expressa, terá um importante trecho, entre o Ibirapuera e o centro, reservado para desfiles carnavalescos. Serão 10 mil banheiros químicos distribuídos pelas ruas, e a multa para quem for pego fazendo xixi na rua é de 500 reais.

Tanta gente nas ruas exige atenção de quem for seguir os trios. Neste domingo (4), o bloco Acadêmicos do Baixo Augusta levou 1 milhão para a rua da Consolação. Hoje, o dia é de resgatar itens perdidos e avisar os colegas de celulares furtados, um clichê das folias todos os anos.

 

Alessandra Negrini, rainha do Baixo Augusta

Em 2018, porém, os golpes estão por todos os lados. O mais famoso envolve vendedores ambulantes, após diversas pessoas informarem que foram vítimas em situações semelhantes: o cliente vai fazer a compra no cartão, o vendedor presta atenção na digitação da senha e, em um momento de desatenção do folião, troca seu cartão por o de outra pessoa. O resultado? O golpista fica com senha e cartão livres para gastar por aí.

Zona de Atenção 

Quem mora na Vila Madalena precisa ficar atento ao que a Prefeitura chama de Zonas de Atenção Especial. A medida foi uma recomendação do Ministério Público e se restringe ao bairro da zona oeste.

O local sofrerá controle de entrada para moradores entre 10h e 17h e, a partir das 17h, bloqueio total, com entrada permitida apenas com apresentação de documento com foto e comprovante de residência, sem garrafas de vidro.

A operação atinge os endereços: rua Inácio Pereira da Rocha, entre as ruas Simão Álvares e Girassol; rua Girassol, entre a Inácio Pereira da Rocha e a Wisard; rua Wisard, entre a Girassol e a rua Morás; rua Morás e rua Simão Álvares, entre a Wisard e a Inácio Pereira da Rocha. Os bloqueios operam nos dias 11,12,13,17 e 18 de fevereiro, além de terem funcionado no último fim de semana.

Carnaval de São Paulo começou neste fim de semana

Assédio sexual 

Para quem for alvo de qualquer comportamento sexualmente inapropriado, a ONG Minha Sampa criou a campanha #AconteceuNoCarnaval, incentivando que vítimas relatem os abusos sofridos em uma plataforma.

O objetivo é coletar dados, revelar a identidade de agressores e fortalecer a exigência de medidas por parte do Estado. A ONG também distribuirá adesivos e pulseiras.

Campanhas contra assédio querem proteger as mulheres durante o Carnaval

Todas as delegacias especializadas neste tipo de crime estarão à disposição da mulher em operação especial. Veja os endereços:

1ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: rua Bittencourt Rodrigues, 200, Parque D. Pedro, região central. Funciona 24 horas.
2ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: avenida Onze de Junho, 89, 2º andar, Vila Clementino, região da Vila Mariana.
3ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: avenida Corifeu de Azevedo Marques, 4.300, 2º andar, Jaguaré.
4ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: avenida Itaberaba, 731, 1° andar, Freguesia do Ó.
5ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: Rua Dr. Corinto Baldoíno Costa, 400, Parque São Jorge.
6ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: rua Sargento Manoel Barbosa da Silva, 115, Campo Grande.
7ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: rua Sabbado D’Ângelo, 64-A, Itaquera.
8ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: avenida Osvaldo Valle Cordeiro, 190, Jardim Marília.
9ª Delegacia de Polícia de Defesa da Mulher: avenida Menotti Laudisio, 286, Pirituba.

Com informações do El País Brasil.

Tinder e Hypeness no Carnaval de Salvador dá match! Por isso, unimos forças para dividir com você a magia da festa mais querida do Brasil e para acompanhar de perto a folia de um dos carnavais mais tradicionais do país: o Carnaval de Salvador!

Vem com a gente se jogar no calor desse fervo. Vem pra essa festa crocante e cremosa, repleta de ‘matchs’, brilho e malemolência. Se liga no consentimento, respeita as manas, as minas e as monas que não tem erro. Vuco-vuco é bom e todo mundo gosta. 😀 Partiu?! \o/

Publicidade

Fotos: Mídia Ninja/Reprodução


João Vieira
Com seis anos de jornalismo, João Vieira acredita na profissão como uma ótima oportunidade de contar histórias. Entrou nessa brincadeira para dar visibilidade ao povo negro e qualquer outro que represente a democracia nos espaços de poder. Mas é importante ressaltar que tem paixão semelhante pela fofoca e entretenimento do mais baixo clero popular.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Pedro do ‘Castelo Rá-Tim-Bum’ reaparece ensinando você a lavar as mãos; veja vídeo