Debate

Não sair de casa faz bem para o meio ambiente, aponta pesquisa

por: Tuka Pereira

Publicidade Anuncie

Os americanos gastam uma média de oito dias em casa a cada ano, o que representa uma enorme economia de energia de 1,8 por cento no país, que são 1.720 trilhões de unidades térmicas britânicas (BTU)*, informou a revista científica Joule nesta segunda-feira.

Embora o estudo realizado por Eric Williams, Roger Chen, Ashok Sekar do Rochester Instituto de Tecnologia não tenha determinado as causas pelas quais as pessoas passam mais tempo em casa, os pesquisadores sugerem que os avanços na tecnologia levaram a um maior uso do tempo em jogos eletrônicos e computadores, além de um maior número de horas de trabalho.

O tempo que as pessoas gastam em casa representa um aumento de 480 trilhões de BTUs*, mas uma redução de 1.000 trilhões no uso de energia não residencial (como escritórios e armazéns) e 1.200 trilhões em energia de transporte, disse o estudo.

A diferença de mais 6,7 dias na casa e 1,2 dias menos de viagem obtidos ao comparar o American Survey of the Use of Time de 2012 com o de 2003, surpreendeu os pesquisadores.

“Esperávamos ver uma diminuição líquida de energia, mas não tínhamos ideia dessa magnitude”, disse Ashok.

“Este trabalho aumenta a conscientização sobre o relacionamento entre estilo de vida e energia, e agora que sabemos que as pessoas gastam mais tempo em casa, podemos focar mais em como melhorar a eficiência da energia residencial”, observou.

Outro resultado interessante para os pesquisadores é que o maior aumento no tempo gasto em casa foi encontrado entre pessoas com idades compreendidas entre os 18 e 24 anos que gastaram 70% a mais do tempo em casa, em comparação com a população em geral.

*Um BTU é a quantidade de energia necessária para aumentar a temperatura de uma libra de água em condições atmosféricas em um grau Fahrenheit.

Publicidade

Imagens: Reprodução


Tuka Pereira
Jornalista há mais de uma década e 'escrevinhadora' há muito mais tempo, Tuka Pereira aborda feminismo a gatinhos fofos com a mesma empolgação. Se existe algo que gosta mais do que escrever é carimbar o passaporte. Já esteve em boa parte do mundo e todo dinheiro que ganha gasta em viagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Vaquinha para vendedora de balões arrastada por carro passa os R$ 25 mil