Design

Como as mini casas podem ajudar a resolver o problema da falta de moradia

por: Mari Dutra

O movimento das mini casas (ou “Tiny Houses”, em inglês) já existe há algum tempo. Nós até mostramos diversas destas casinhas que oferecem mais conforto do que muitos casarões por aí. Espia essas aqui, aqui e aqui, por exemplo.

Porém, mais do que um estilo de vida associado ao minimalismo, essas pequenas casas também podem resolver um problema sério: o da falta de moradia.

Nas grandes cidades, é cada vez mais difícil e caro adquirir um lugar para viver e isso não é novidade para ninguém. Então que tal se, ao invés de apenas construir edifícios, as pessoas optassem por viver em espaços menores?

Por usar menos espaço e sem a necessidade de expandir as cidades verticalmente, as “tiny houses” são uma aposta sustentável contra a crise da moradia. É o que oferece a companhia Plús Hús, criada pelos islandeses Erla Dögg Ingjaldsdóttir e Tryggvi Thorsteinsson, que vivem atualmente em Los Angeles.

A dupla criou uma estrutura de 30 metros quadrados que pode ser acoplada a qualquer propriedade ou usada individualmente, oferecendo baixo impacto ambiental. A construção utiliza materiais sustentáveis e os gastos de energia são mínimos.

Os módulos da Plús Hús podem ser usados tanto como moradia quanto para um escritório ou área extra. Para atender às diferentes demandas, são oferecidas três configurações: um espaço quadrado com porta de correr, que sai por US$ 37 mil; um quarto com banheiro por US$ 42 mil; ou uma casa completa com cozinha por US$ 49 mil. Ou seja, dá para conquistar um espaço desses pagando entre R$ 120 e R$ 160 mil.

A julgar pelas fotos disponíveis no site da empresa, morar em um cubículo está prestes a se tornar um verdadeiro sonho de consumo.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Plús Hús


Mari Dutra
Especialista em conteúdos digitais, Mariana vive na Espanha, de onde destila textos sobre turismo, sustentabilidade e outros mistérios da vida. Além de contribuir para o Hypeness desde 2014, também compartilha roteiros e reflexões mundo afora no blog e no Instagram do Quase Nômade.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
A embalagem de perfume francês que revolucionou a história do design