Arte

Álbum póstumo de Prince deve ser lançado ainda este ano – e com músicas inéditas

por: Redação Hypeness

21 de abril de 2018 marcou os dois anos da morte de Prince, um dos maiores nomes da música. Apesar da tristeza para os fãs que sentem saudades, também foi um dia com uma boa notícia: um novo álbum, todo de material inédito, deve ser lançado ainda neste ano.

A novidade foi revelada pelo empresário musical Troy Carter, que divulgou também um vídeo inédito gravado em 1984 enquanto Prince ensaiava no estúdio Flying Cloud Drive Warehouse, no qual ele compôs Nothing Compares 2 U, que seis anos depois se tornaria hit mundial na voz de Sinead O’Connor.

Além das imagens, o clipe traz uma versão jamais divulgada oficialmente de Nothing Compares 2 U na voz de Prince (veja abaixo). Troy Carter declarou que, ao longo de 2017, ele e uma equipe se dedicaram a conhecer os arquivos de Prince com o objetivo de produzir um álbum póstumo – de acordo com ele, há materiais gravados durante décadas, entre músicas e vídeos.

“Prince basicamente guardou tudo, portanto há décadas de música, vídeos e artefatos, e leva muito tempo para rever cada um deles e pesquisar o contexto histórico. ‘De onde é isto? Com quem colaborou? Onde foi gravado? Que ano? Era a versão final?'”, contou à Variety.

O novo álbum deve ser lançado durante o outono do hemisfério norte, ou seja, na nossa primavera. Para completar, Carter também divulgou o lançamento de dois sites dedicados à memória de Prince: Prince Estate, repleto de informações sobre a discografia do cantor, e Prince2Me para que os fãs compartilhem suas lembranças do artista.

Publicidade

Foto: Divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Romero Britto diz à Veja que ‘cafona é quem me critica’ e fala de obra quebrada