Debate

Alunas de universidade pública em SC denunciam professor por assédio e estupro

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Encontros de grupos de pesquisa, orientações acadêmica, todos estas foram situações em que um professor do Centro de Ciências Humanas e Educação da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) se aproveitava para assediar suas alunas.

Em um primeiro momento ignoradas pela direção da universidade, as vítimas decidiram agir, registrando um boletim de ocorrência por assédio sexual contra o educador na Delegacia de Proteção à Criança, Mulher e Idoso de Florianópolis.

“As orientações eram com as portas fechadas. A porta era sinalizada que estava em orientação para não haver interrupções, não podia entrar. Comigo aconteceu de ele abraçar e botar a mão por dentro da blusa. Tem outras meninas que aconteceram outras coisas”, relata uma das acadêmicas ao Diário Catarinense.

O professor é acusado inclusive de ter estuprado uma das alunas

Diante da repercussão e sobretudo em função do acionamento da polícia, a reitoria da Universidade Estadual de Santa Catarina se viu obrigada a se envolver no caso, especialmente após de 10 alunas terem escolhido o Dia Internacional da Mulher, 8 de março, para comunicar a conduta do docente à direção.

Segundo publicou a revista TPM, as acusações, que incluem um caso de estupro, foram encaminhadas em forma de processo para a Procuradoria-Geral do Estado. Além disso, o Ministério Público acompanha a situação.

“Elas relataram que o professor as constrangia com interesses sexuais. Todas lembraram de um detalhe: ele as abraçava, investia as mãos por dentro da blusa e acariciava as costas delas”, afirma para a TPM o delegado Paulo Henrique Ferreira, responsável pelo caso.

No momento, o professor, que não teve o nome revelado, se encontra afastado de suas funções depois de apresentar um atestado médico. A expectativa é que ele seja interrogado nos próximos dias. Por meio de seu advogado de defesa Hédio Silva Júnior, o educador admite relação sexual consensual com uma das estudantes. Já as outras acusações são negadas por ele, que se considera “vítima de um verdadeiro linchamento”.

Publicidade Anuncie

Foto: Reprodução/Facebook


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Definição de Bolsonaro na Time é exemplo didático de masculinidade tóxica