Debate

Primeira mulher motociclista da Rocam está entre a vida e a morte após perseguição

por: Redação Hypeness

Pilotar motocicleta é um grande risco, principalmente nas grandes cidades. Com um número imenso de acidentes fatais, nem mesmo motoristas mais experientes estão livres das ameaças.

Única mulher a pilotar uma moto da Rocam (Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas), Michelly Fernandes, membra do 50º Batalhão da PM em Parelheiros, extremo sul de São Paulo, está entre a vida e a morte. Durante perseguição a dois motociclistas na madrugada do domingo (22), Michelly perdeu o controle da moto, caiu e acabou sofrendo fraturas múltiplas na face.

Em estado grave, a policial militar se encontra em coma induzido no Hospital das Clínicas. Sua história mobilizou um grupo de amigos, que preocupados com seu futuro, lançaram uma vaquinha online para ajudar a policial. Em quase dois dias já foram arrecadados R$ 2.060, doados por 46 pessoas.

Em coma induzido, Michelly é considerada uma das melhores motociclistas da Rocam

“Ela é uma exímia motociclista”

Para Paulo César Braga, capitão do 50º Batalhão da Força Tática, Michelly Fernandes é um dos principais nomes no quadro de motociclistas da região. Natural de Jacareí, a PM apaixonada por motos é formada há três anos e meio e sempre teve o sonho de fazer parte da Rocam.

“Ela é uma exímia motociclista. Pega muito ladrão. Pilota muito bem a moto. Comentário nosso aqui: é a única mulher da companhia que atua no serviço operacional e pilota melhor do que muito marmanjo aqui”, disse o capitão ao BuzzFeed News.

 

Publicidade

Foto: Reprodução/Facebook


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Homem é demitido por foto com corpo de Maradona; craque teria morrido dormindo, diz jornal