Viagem

As melhores cidades do mundo para morar se você é um millennial falido

por: Mari Dutra

A geração millennial é reconhecida por sua sede de aventuras. No entanto, um dos maiores empecilhos para transformar os sonhos de desbravar o mundo em realidade costuma ser o orçamento reduzido de um jovem falido.

Se depender da companhia de mudanças MoveHub, essa não será mais uma desculpa. Em um estudo recente, a empresa analisou 32 cidades para descobrir quais delas eram mais apropriadas para millennials sem dinheiro no bolso.

O estudo considerou não apenas o custo de vida, mas também itens como renda média, valor de aluguel de um apartamento de um quarto, transporte público e a densidade de lugares onde é possível comer barato, além dos índices de segurança da cidade e do preço de um cappuccino. Os dados foram retirados de fontes já existentes, como o Deutsche Bank, Numbeo, Expatistan, TripAdvisor e informações das Nações Unidas.

Ao final, cada cidade ganhou uma nota de 0 a 100. Quanto mais alta a pontuação, mais ela se encaixaria no quesito “barata e interessante”. Abaixo, você confere quais destinos ficaram com as 10 primeiras posições nessa lista!

1. Edimburgo, Escócia – 82,95

2. Viena, Áustria – 78,85

3. Berlim, Alemanha – 78,25

4. Praga, República Tcheca – 77,33

5. Madrid, Espanha – 74,17

6. Helsinque, Finlândia – 73,86

7. Copenhague, Dinamarca – 71,12

8. Mumbai, Índia – 70,84

9. Melbourne, Austrália – 70

10. Varsóvia, Polônia – 69,51

Publicidade

Fotos: Unsplash e Pixabay


Mari Dutra
Especialista em conteúdos digitais, Mariana vive na Espanha, de onde destila textos sobre turismo, sustentabilidade e outros mistérios da vida. Além de contribuir para o Hypeness desde 2014, também compartilha roteiros e reflexões mundo afora no blog e no Instagram do Quase Nômade.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Hard Rock anuncia primeira unidade em SP em prédio icônico na Avenida Paulista