Arte

Lena Waithe rouba a cena do ‘Met Gala’ com look questionando preconceito da Igreja

por: Redação Hypeness

Aconteceu na noite de ontem em Nova York, nos Estados Unidos. No Met Gala, entre celebridades como a cantora Rihanna, quem roubou a cena foi Lena Waithe.

Conhecida por seu papel na série Master of None, exibida pelo Netflix, a atriz e roteirista chamou a atenção de todos ao optar por uma roupa que representasse a população LGBTQ+.

Lena Waithe questionou perseguição aos LGBTQ+

O look preto da jovem, ativista pela diversidade sexual, foi completado por um capa assinada pela grife Carolina Herrera com as cores do movimento, uma sacada interessante, já que o tema deste ano era a relação e influência da Igreja Católica na moda.

A postura de Lena Waithe foi bastante elogiada e vista como um questionamento necessário contra os séculos de perseguição por parte da Igreja Católica contra pessoas LGBTQ+.

Afrontosa, Rihanna questionou o machismo da Igreja Católica

Quem também arrasou no evento realizado para arrecadar fundos ao Museu Metropolitano de Artes de Nova York foi Rihanna, que com uma peça repleta de cristais, se apresentou como papisa da moda.

A roupa da cantora foi mais uma afronta contra a Igreja, já que o acessório da cabeça, proibido para mulheres, é usado pelo papa para se diferenciar dos outros sacerdotes.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram Oficial


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Dia Internacional do Reggae: mensagem política popularizada por Bob Marley continua atual e necessária