Debate

Novos casos de ebola surgem no Congo e a OMS diz se preparar para ‘pior cenário possível’

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Detectado pela primeira vez nas florestas da República Democrática do Congo em 1976, o ebola volta a atingir o país.

Esta é a nona vez que a enfermidade é registrada em solo congolês. No ano passado, oito pessoas haviam sido infectadas, das quais quatro morreram.

Na última semana, foram confirmadas 17 mortes pelo vírus, segundo a AFP. Além das vítimas fatais, houve um registro de mais 21 casos da doença na província de Equateur e dois em Bikoro, ambas localidades no noroeste do país. Há ainda 10 casos suspeitos de contágio que estão sendo investigados.

Apesar de grave, esta epidemia ainda não se compara ao surto da doença que assolou países da África Ocidental entre 2013 e 2016, registrando mais de 11 mil mortes.  Graças à geografia do Congo, os surtos costumam ser localizados e fáceis de isolar, o que faz com que o ebola não se espalhe tão facilmente em seu território.

Nesta sexta-feira, o diretor do programa de resposta de emergências da Organização Mundial da Saúde (OMS), Peter Salama, disse, em uma entrevista coletiva em Genebra.”Estamos muito preocupados e nos preparamos para todos os cenários, incluindo o pior cenário possível”.

O que é o ebola

A febre hemorrágica do ebola apareceu pela primeira vez em 1976. Ela é proveniente de um vírus que se transmite por contato físico com líquidos corporais infectados. Segundo a OMS, o consumo de carne de animais silvestres é outro fator comum para a transmissão do vírus.

Publicidade

Foto em destaque: CDC/Cynthia Goldsmith


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘21 anos de violência’: Mãe de Isabela Tibcherani revela o que passou com o marido