Criatividade

Saiba como sua impressora pode transformar o processo de asfaltamento

29 • 05 • 2018 às 12:35 Redação Hypeness
Redação Hypeness Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Usado para o asfaltamento o piche é responsável pela poluição do ar, das matas e rios. Nem os avanços tecnológicos parecem enfraquecer sua popularidade entre a maioria dos governantes.

Porém o governo da Austrália pode estar contribuindo para alterar este cenário, isso porque há algum tempo está usando toners de impressora reciclados para asfaltar ruas. Se mostrando tão efetivo quanto os métodos tradicionais, a opção é menos poluente e emite níveis bem inferiores de gás carbônico (CO2) na atmosfera.

A Close the Loop, uma das duas empresas responsáveis pelo asfaltamento alternativo, garante que com 100 toners recicláveis de impressora é possível pavimentar até uma tonelada de asfalto. Tem mais, especialistas dizem que o material é mais resistente e exige menos manutenção. Bom para a economia. 

A reciclagem pode transformar o processo de asfaltamento

Outra boa notícia fica por conta da diminuição do barulho, já que o TonerPave não precisa daquelas máquinas gigantes. A aplicação pode ser feita apenas com o betume, aquele composto bem preto.

Mais de 22 mil toneladas de cartuchos e toners foram recicladas desde 2001. A Closer the Loop utilizou 30% do material e as outras 1,6 mil toneladas serviram para o asfaltamento. Economia e respeito ao meio ambiente, tem coisa melhor?

Publicidade

Canais Especiais Hypeness