Sustentabilidade

Embalagens plásticas viraram moeda e puderam ser trocadas por comida neste café

por: Redação Hypeness

A ameaça ambiental causada pelo uso e descarte impensado de embalagens plásticas tem ficado cada vez mais perigosa, mas, ao mesmo tempo, há cada vez mais pessoas e empresas se dedicando a alertar para o problema.

A empresa belga Ecover foi fundada em 1980 para criar produtos de limpeza sem fosfato, um componente que poluía as águas. Por bastante tempo eles se dedicaram às fórmulas, mas recentemente perceberam que também era preciso prestar atenção nas embalagens.

Foi assim que surgiu o Rubbish Cafe (algo como “Café do Lixo”), uma ação promovida pela subsidiária da Ecover em Londres. Por dois dias, moradores da capital inglesa e turistas puderam ir ao local e trocar embalagens plásticas usadas por refeições.

O cardápio foi criado pelo Eco Chef Tom Hunt, conhecido por combater o desperdício de alimento e usar ingredientes naturais. Os pratos da ação foram criados com o compromisso de não gerar lixo algum. Já a decoração foi criada por MaxMcMurdo, designer especialista em reaproveitamento de materiais.

Além de distribuir alimentos e bebidas, o Rubbish Café também compartilhou informações para ajudar os interessados a diminuir sua produção de lixo e a dar a destinação correta para aquilo que for gerado.

A ação também mostrou que muitos dos residentes de Londres não sabem direito como separar os objetos que podem ser reciclados daqueles que não contam com essa opção: de acordo com a Ecover, de 20% a 50% dos objetos levados ao Rubbish Café não eram feitos de material reciclável.

Publicidade

Fotos: Divulgação/Ecover


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
China: infestação de mosquitos em prédios é alerta do meio ambiente